‘O Auto da Compadecida’ ganha versão adaptada para o Youtube

auto da compadecida teatro
Peça será exibida uma única vez e não ficará disponível depois (Tati Motta/Sesc São Paulo/Divulgação)

Uma das peças de teatro mais queridas do Brasil vai ganhar uma versão virtual adaptada especialmente para entreter o público em casa. Neste domingo (30), o Sesc Palladium vai apresentar uma releitura de “O Auto da Compadecida” – com apenas dois atores interpretando todos os personagens. A peça será exibida exclusivamente às 21h30 pelo canal do Sesc no Youtube e pelo Instagram.

Nesta apresentação online, que faz parte do projeto Sesc Ao Vivo, os atores Leonardo Rocha e Mariana Arruda, do Grupo Maria Cutia, fazem uma releitura para tempos de isolamento social da própria peça dirigida por Gabriel Villela. “No espetáculo original, são sete atores em cena. Tivemos que adaptar todas as personagens e cenas para dois atores contarem a história da sala de nossa casa”, comenta a atriz, que interpreta a Mulher do Padeiro e a Compadecida.

Todo o cenário e as canções, que são executadas ao vivo na peça, também tiveram de ser adaptados para a encenação caseira desta que talvez seja a obra mais conhecida do teatro brasileiro. “Com o apoio dos diretores musicais Babaya Morais e Hugo da Silva, revisitamos as músicas do espetáculo e adaptamos ao máximo o cenário e objetos para tentar transpor o espectador, mesmo assumindo que estamos em casa, para a montagem original”, revela o ator Leonardo Rocha que interpreta João Grilo.

Outra perspectiva

O diretor Gabriel Villela faz uma analogia estética entre a cor dos figurinos e a cor da lama do rompimento das barragens que marcaram a história de Brumadinho e Mariana. Esse traço contemporâneo é uma característica presente em todo o espetáculo.

Apesar do texto original já tratar sobre assuntos importantes – como o racismo, a ganância, a exploração da fé alheia -, a adaptação mineira traz outra leitura sobre a obra de Suassuna, mais ligada aos acontecimentos do Brasil de hoje. “Esta é uma boa oportunidade para que as pessoas assistam à história da peça sob outra perspectiva, diferente daquela produzida pela televisão”, diz Leonardo.

O Auto da Compadecida é realizado dentro da série Teatro #EmCasaComSesc promovida pelo Sesc São Paulo durante o período de distanciamento social, com a transmissão de diferentes trabalhos cênicos, direto da casa dos artistas, sempre às segundas, quartas, sextas e domingos, às 21h30. O espetáculo terá única apresentação e não ficará disponível após a transmissão ao vivo.

Edição: Marcela Gonzaga
Giovanna Fávero
Giovanna Fáverogiovanna.favero@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG). Escreve com foco na área de Guia e Cultura no BHAZ.

Comentários