Homem se recusa a usar máscara, vandaliza sorveteria e ameaça dona

homem vandaliza sorveteria campinas
Homem foi filmado quebrando objetos e atacando mulher que trabalhava no local (Reprodução/Twitter)

Um homem foi flagrado tendo um ataque de fúria depois que a funcionária de uma sorveteria pediu que ele usasse a máscara corretamente nesta terça-feira (15), em Campinas. Além de não ajeitar o item no rosto, ele ameaçou a funcionária e quebrou objetos e equipamentos do estabelecimento.

No vídeo que circula nas redes sociais, é possível ver o homem alterado gritando com a jovem. Em meio a diversas ofensas, ele faz repetidas ameaças à atendente. “Você é uma menina ridícula, mimadinha e babaca. E faz alguma coisa pra você ver se eu não quebro a sua cara, seu lixo. Fala um ‘a’ pra você ver o que eu não faço”, diz.

Quando ela tenta reagir, o ataque do homem só se agrava e ele chuta equipamentos e chega a quebrar alguns objetos da sorveteria. A funcionária chega a pedir para que a acompanhante do cliente o retirasse do local, mas ele continua com as ofensas e ameaças. Confira o momento abaixo:

‘Fiquei muito abalada’

Ao portal CidadeOn, a dona da sorveteria, Pollyana Reis, contou que o homem entrou no estabelecimento com a máscara no queixo e, quando ela pediu para que ele ajustasse o acessório, ele se recusou. Então, Pollyana interrompeu o atendimento e foi aí que os ataques começaram. “Eu nunca imaginei que isso aconteceria. Eu fiquei muito abalada, ainda fico nervosa falando nisso. Era só um pedido para colocar a máscara, que tem uso obrigatório, não pensei que chegaria nesse fim”, disse.

Ela garantiu que todas as imagens feitas por clientes no momento da agressão foram reunidas e serão levadas à delegacia para o registro de ocorrência. O homem que aparece no vídeo procurou o portal e disse que teria sido agredido primeiro. Ele relatou que já fez uma denúncia junto à polícia e ao Procon (Programa de Proteção e Defesa do Consumidor).

Edição: Marcela Gonzaga
Giovanna Fávero
Giovanna Fáverogiovanna.favero@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG). Escreve com foco na área de Guia e Cultura no BHAZ.

Comentários