Ideb: Metas da educação em Minas não são atingidas mesmo com avanço

sala de aula escola
Dados foram divulgados nesta terça (Amanda Dias/BHAZ)

Minas Gerais registrou aumento no Ideb (Índice de Desenvolvimento de Educação Básica) nos anos finais do ensino fundamental e no ensino médio. Mesmo assim, não conseguiu alcançar a meta estipulada. O governador Romeu Zema (Novo) comentou sobre os índices durante coletiva na tarde desta terça-feira (15) e falou sobre a volta às aulas (veja abaixo).

O índice, calculado a cada dois anos, indica que em relação aos anos iniciais do ensino fundamental a nota alcançada foi de 6,5, fazendo com que Minas alcance a 4ª entre todos os estados do Brasil. A meta era 6,6. Já os anos finais alcançou nota 4,6, sendo que a meta estipulada era 5,3.

O Ideb saltou de 3,6 para 4 no ensino médio, sendo três décimos superior ao maior Ideb já alcançado nesta etapa de ensino, em 2011. Mesmo assim, ficou aquém do esperado, já que a meta era 5.

ideb ensino médio
Gráfico mostra notas do Ideb no ensino médio (Reprodução/Governo de Minas)

Governador explica

As notas do Ideb foram comemoradas pelo governador Zema e pela secretária de estado de Educação, Júlia Sant’Anna. Eles afirmaram que Minas não conseguiu alcançar as metas, pois, desde 2005, os indicadores não passaram por revisões.

“Temos que lembrar que a meta foi criada em 2005 e nunca mais foi revista. A situação do Brasil e de Minas Gerais era totalmente diferente da atual. Há 15 anos nossa realidade era outra e não tem nada a ver com a atual. Minas e outros estados ficaram abaixo porque o Brasil teve diversos problemas no percurso e deveria ter sido feita uma revisão”, afirmou Zema.

A secretária de Educação ponderou que Minas passou por “uma situação de apagão na educação”. Ela comparou o estado como uma casa que estava com a estrutura abalada, mas que continuou com a mesma meta de quando “ainda estava de pé”. “Só que ela [casa] caiu e agora comemoramos o maior Ideb da história de Minas”.

Coletiva – IDEB MG

Posted by Romeu Zema on Tuesday, September 15, 2020

Volta às aulas

Questionado se o Governo de Minas trabalha com alguma data para retomar as aulas presenciais, Zema disse que ainda não. “Temos visto menos casos e óbitos. Tem diminuído de maneira consistente, mas não chegamos ao ponto que a secretaria de Saúde acha adequado para o retorno das aulas”, esclareceu.

Ideb

O Ideb é o principal indicador de qualidade da educação brasileira. Ele é calculado com base em dados de aprovação nas escolas e de desempenho dos estudantes no Saeb (Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica). O Saeb avalia os conhecimentos dos estudantes em língua portuguesa e matemática. O índice final varia de 0 a 10.

O índice tem metas diferentes para cada ano de divulgação e também metas específicas nacionais, por unidade da federação, por rede de ensino e por escola. A intenção é que cada instância melhore os índices para que o Brasil atinja o patamar educacional da média dos países da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico).

Com Agência Brasil

Vitor Fórneas
Vitor Fórneasvitor.forneas@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde maio de 2017. Jornalista graduado pelo UniBH (Centro Universitário de Belo Horizonte) e com atuação focada nas editorias de Cidades e Política.

Comentários