Segue líder: Keno marca três para o Galo e se mantém no topo da tabela

jogadores atlético grêmio
Atlético vence Grêmio no Mineirão (Pedro Souza/Agência Galo/Atlético)

Por Maria Carolina Martins

Vindo de uma vitória perfeita na semana passada, contra o Atlético-GO, o Galo manteve sua boa fase, vencendo de 3 a 1 o Grêmio, na noite deste sábado (26) pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Keno foi a grande estrela da noite, marcando todos os gols para o time alvinegro, que atingiu, assim, a marca de 2 mil gols no Brasileirão. O empate de 1 a 1, entre Internacional e São Paulo, que são concorrentes diretos na tabela, já manteria o time alvinegro na liderança, mas a vitória ajudou o time a totalizar 24 pontos e se manter líder.

O Atlético, sem a preocupação de outra competição na agenda, tem feito uma campanha muito boa no campeonato. Nos últimos cinco jogos, só teve apenas uma derrota. Como de costume, Sampaoli manteve o suspense para a escalação, mas a combinação de hoje continuou dando certo. O Galo encara o Vasco no domingo (4), às 20h30, em Belo Horizonte.

Já o Grêmio, se por um lado se encontra privilegiado na tabela de classificação da Copa Libertadores, no Campeonato Brasileiro, ele fica devendo. O Tricolor está bem abaixo na tabela e com a derrota, permanece com 13 pontos, na 13ª colocação. O time foi misto, pois o técnico gremista resolveu poupar alguns titulares para enfrentar a Universidad Católica, na próxima terça-feira (29), pela Libertadores. Vanderlei, Kannemann, Diego Souza e Alisson nem chegaram a viajar, junto com a delegação, para a capital mineira.

E o gol 2 mil… saiu!

O jogo começou frenético, com o Atlético já pressionando o visitante. A primeira grande chance de gol foi aos 5 minutos do 1T, com uma bola para fora de Keno. Logo em seguida, foi a vez de Savarino tentar o dele, mas a bola também saiu. De tanto pressionar, não teve jeito: Keno recebeu na entrada da área, cortou a marcação e bateu rasteiro. O goleiro chegou a tocar na bola, mas já estava lá dentro. Galo 1 a 0. Além de abrir o placar, Keno foi responsável pelo “gol 2 mil” do Atlético no Brasileirão.

Domínio Alvinegro

O Grêmio bem que tentou, mas o Galo não abriu espaço. Até os primeiro 25 minutos do 1T, o time Tricolor só teve uma tentativa de gol com Isaque. O restante do tempo, só o Atlético pressionava em campo. Savarino teve duas grandes chances, primeiro com um cruzamento que recebeu de Keno, aos 22 minutos, e aos 24’ soltou uma bomba, de uma cobrança de falta, que desviou na barreira e foi para fora. A outra grande chance do Grêmio só veio aos 42 minutos, com uma cobrança de falta do Robinho, mas Everson espalmou para fora.

Após ter sofrido o primeiro gol, o Grêmio manteve a defesa mais fechada e continuou enfrentando a superioridade na partida do Atlético. Fim do primeiro tempo.

2T de pressão

Para a segunda etapa do jogo, foi possível ver um Grêmio com uma qualidade melhor, tentando armar mais jogadas. Aos 5 minutos, deu Keno de novo: recebeu de Nathan, cortou a marcação e soltou a bomba. Mas Isaque não deixou barato e, após a cobrança de escanteio de Robinho, chutou de primeira para o fundo do gol, diminuindo para o Grêmio – 2 a 1.

Os dois times resolveram fazer substituição já nos primeiros minutos do 2T: no Galo que saiu foi Nathan para entrada de Allan, e no Grêmio quem entrou no lugar de Darlan foi Guilherme Azevedo.

Hat-Trick no Mineirão!

O atacante atleticano estava bem inspirado na noite deste sábado. Após dois belos gols já marcados na partida, Keno cravou o terceiro, após um lançamento errado do goleiro Everson, do Grêmio. E, é claro, a torcida alvinegra fica cada vez mais feliz com o desempenho do jogador, isso porque no último jogo, contra o Atlético-GO, o atacante também fez três gols na partida.

Cada vez mais líder

Na etapa final da partida o Grêmio até tentou pressionar, mas não teve jeito. Renato entrou com Ferreira no lugar de Pepê, e Sampaoli também fez todas as substituições restantes no time atleticano. O time visitante não teve mais grandes chances de diminuir e o Galo consolidou sua vitória por 3 a 1 no Mineirão. Com o resultado, o Atlético continua líder isolado no campeonato.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO MG 3 X 1 GRÊMIO

Estádio: Mineirão
Data: Sábado, 26 de setembro de 2020
Horário: 21h
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP), Vinicius Melo de Lima (RN) e Ronei Cândido Alves (MG)
VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN) e Rodrigo Batista Raposo e Ciro Chaban Junqueira (DF)
Cartões Amarelos: Jair aos 20’ do 2T, Luiz Fernando aos 29’ do 2T
GOLS: Keno, aos 11’ do 1T, Keno aos 5’ do 2T, Isaque aos 9’ do 2T, Keno aos 20’ do 2T

ATLÉTICO: Everson; Guga(Bueno), Júnior Alonso, Igor Rabelo, Guilherme Arana; Jair, Franco (Hyoran); Keno, Savarino (Sávio), Nathan (Allan); Sasha (Marrony).
Técnico: Jorge Sampaoli

GRÊMIO: Paulo Victor; Victor Ferraz, Paulo Miranda, David Braz, Diogo Barbosa; Lucas Silva, Darlan (Guilherme Azevedo) ; Robinho (Rildo), Matheus Henrique, Pepê (Ferreira); Isaque (Luiz Fernando).
Técnico: Renato Portaluppi

Edição: Aline Diniz

Comentários