Garotinha confunde lubrificante com álcool em gel e leva para escola

Lubrificante x álcool em gel
Garotinha chegou a higienizar a mão dos colegas com o produto (Reprodução/Ebay + Reprodução/Pixabay)

Uma mãe ficou horrorizada ao descobrir que o lubrificante íntimo dela tinha ido parar na jaqueta da filha de 5 anos. A vergonha da mulher só aumentou ao saber que a criança estava levando o produto para a escola, acreditando se tratar de álcool em gel. A inocente garotinha explicou que estava seguindo as regras da pandemia, para não “pegar germes” na escola.

Louise Hosie, da Escócia, contou ao tabloide The Sun que ficou imediatamente envergonhada quando achou o produto nas coisas da filha, mas não conseguiu segurar a risada. “Eu expliquei para ela que aquilo era ‘da mamãe’ e ela disse que só estava higienizando as mãos. Eu perguntei se ela também tinha usado na mão dos amigos e ela disse que sim”, relatou.

A mãe disse que a confusão deve ter acontecido porque a marca do lubrificante é Ann Summers, enquanto a pequena se chama Summer e deve ter acreditado que o produto era para ela.

Piada da família

Agora que a situação foi esclarecida, Louise se diverte ao contar o caso. “Summer disse que gostou porque a mão ficava quente e macia. Acontece que esse lubrificante realmente esquenta. Fica com a sensação de calor e formigamento, é muito engraçado”, comentou.

Sobre a inocência da filha, a mãe já tem planos até para relembrá-la da história, quando a garota ficar mais velha para entender a situação. “Isso vai ser engraçado quando ela fizer 18 anos. Talvez eu até coloque uma foto no bolo de aniversário!”, ironizou.

Edição: Roberth Costa
Guilherme Gurgel
Guilherme Gurgelguilherme.gurgel@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Escreve com foco nas editorias de Cidades e Variedades no BHAZ.

Comentários