Anitta reclama de fãs na porta de casa e invasão de drone: ‘Ponto turístico’

anitta
Anitta em ensaio fotográfico em sua casa (Reprodução/Anitta/Instagram)

A cantora Anitta reclamou do assédio de fãs na porta de sua casa, no Rio de Janeiro, em uma postagem em uma página de fofoca no Instagram, nessa quinta-feira (15). A artista disse que seu endereço virou “ponto turístico” do condomínio, e que é acordada de madrugada com gritos e até pessoas xingando. Ela falou também que um drone já invadiu seu quintal para fotografá-la de biquíni.

O desabafo foi feito no Instagram da influencer Rainha Mattos, que havia replicado uma publicação de Justin Bieber sobre a presença de paparazzi na porta de sua residência. Quando comentou a notícia, ela contou que também é incomodada na entrada de sua casa.

“Posso tomar uma chuva de hate pelo meu comentário, que não seria novidade (risos). Mas, cara, ele [Justin Bieber] tem razão. Isso é a atitude mais invasiva e egoísta que existe. Acontece muito aqui em casa. As pessoas vêm tipo ponto turístico, tiram foto na porta, batem na porta para ‘trocar ideia’ comigo”, começou a cantora.

Estresse

“Às vezes, na madrugada, saem de alguma festa que está rolando em alguma casa do condomínio e vêm bêbados me xingar, gritando do nada. Existem tantos lugares para fotografar um famoso. Na rua – sim, eu particularmente, até no posto de conveniência aqui do lado vou de boa -, no restaurante, num evento, praia… Enfim, vários lugares”, desabafou.

A cantora continua e diz que invasão de privacidade constante pode levar o artista a um estresse muito grande. “Daí a pessoa vai no único lugar que o famoso pode peidar, arrotar, andar pelado, andar de pijama, descabelado. Sei lá, qualquer coisa, e fica lá fotografando a porta da pessoa, a janela. É uma loucura. Tem hora que a gente surta”.

‘Preço da fama’

Anitta ainda lembrou de um momento em que foi pega de surpresa enquanto descansava na parte externa da casa. “Você está no quintal pegando sol. De repente, vem um drone te filmar. Para quem diz: ‘É o preço da fama’. Sim, galera. Ao contrário do que dizem por aí, eu sempre trato com muita educação quem fala comigo em lugar público”, continuou.

“Mas, gente, para e pensa: nossa casa é o único lugar que a gente tem. Ainda bem que a maioria dos paparazzi profissionais daqui do Brasil não fazem isso de ficar na porta da nossa casa. Amém”, finalizou. Veja a postagem:

Edição: Aline Diniz
Vitor Fernandes
Vitor Fernandesvitor.fernandes@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde fevereiro de 2017. Jornalista graduado pela PUC Minas, com experiência em redações de veículos de comunicação. Trabalhou na gestão de redes do interior da Rede Minas e na parte esportiva da UOL.

Comentários