Laudo aponta perfurações em órgãos de cabeleireira morta após plástica na Savassi

Edisa Soloni
Laudo mostra que Edisa Soloni sofreu perfurações em órgãos (Reprodução/ @edissoloni/Instagram + Reprodução/ @ppatriciar_ /Twitter)

O IML (Instituto Médico Legal) concluiu, nessa quinta (22), o laudo sobre a causa da morte da cabeleireira Edisa Soloni, de 20 anos. Ela faleceu no mês passado após uma cirurgia plástica em uma clínica na Savassi, na região Centro-Sul de BH. De acordo com o documento, a vítima morreu em decorrência de uma embolia pulmonar. O laudo também aponta que Edisa sofreu perfurações em alguns órgãos.

A advogada Camila Félix, que representa a família de Edisa no caso, contou que a vítima estava com “múltiplas lesões perfurantes”. Segundo a defesa da vítima, os ferimentos podem ter agravado o quadro da cabeleireira. 

“Com toda certeza essa paciente precisava de atendimento imediato por médico, o que não havia na clínica. A morosidade do deslocamento, atrelado a completa ausência de estrutura e diagnóstico, podem, na avaliação da defesa, terem contribuindo com a morte de Edisa”, afirma a advogada. 

O BHAZ tentou contato com os números de telefone da clínica Belíssima, onde Edisa passou pelo procedimento cirúrgico. Entretanto, as chamadas não foram atendidas. Esta matéria será atualizada caso a clínica se manifeste.

Investigações

Procurada, a Polícia Civil não comentou sobre o laudo e informou que as investigações ainda estão em andamento. “O laudo do Instituto Médico Legal ficou pronto e até o momento 13 pessoas foram ouvidas. Demais informações serão repassadas após a conclusão do inquérito policial”, disse a PCMG.

O caso

A jovem cabeleireira Edisa de Jesus Soloni morreu no dia 12 de setembro depois de passar por uma cirurgia plástica realizada em uma clínica localizada na região da Savassi.

Após o procedimento, Edisa passou mal, ainda na clínica, e precisou ser levada com urgência para o Hospital Felício Rocho, onde foi diagnosticada com uma embolia pulmonar. Ela não resistiu e faleceu.

Edisa estava acompanhada da irmã no momento da cirurgia, a familiar conversou com o BHAZ e contou os detalhes do ocorrido (leia aqui).

Edição: Roberth Costa
Rafael D'Oliveira
Rafael D'Oliveirarafael.doliveira@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde janeiro de 2017. Formado em Jornalismo e com mais de cinco anos de experiência em coberturas políticas, econômicas e da editoria de Cidades. Pós-graduando em Poder Legislativo e Políticas Públicas na Escola Legislativa.

Comentários