Psicóloga cria projeto para presentear crianças de BH no Natal

natal do afeto
Mais de trezentas cartinhas foram escritas pelas crianças (Arquivo pessoal/Amanda Dornelas)

Já pensou em tornar o Natal de uma criança feliz? Um projeto criado por uma psicóloga de Belo Horizonte vai presentear os pequenos da Vila Acaba Mundo, na região Centro-Sul da capital mineira. O Natal do Afeto recebeu mais de trezentas cartas e agora busca a ajuda de padrinhos para fazer com que esta época do ano seja inesquecível para estas crianças.

O BHAZ entrevistou Amanda Dornelas, idealizadora do projeto, e ela conta como surgiu a iniciativa. “Moro na região do Sion e frequento muito a Praça JK. Por lá, a gente consegue ter a visão clara da desigualdade que vivemos. A vila fica no final da praça e vejo crianças que moram lá brincando com brinquedos improvisados, enquanto outras estão com objetos tecnológicos. Vendo esta disparidade, resolvi criar o Natal do Afeto”, conta.

cartas natal do afeto
Psicóloga colou as cartinhas na parede de casa (Arquivo pessoal/Amanda Dornelas)

Para que a ideia saísse do papel, Amanda entrou em contato com um projeto da vila. O resultado? Mais de trezentas cartinhas escritas pelas crianças com pedidos para o Papai Noel. “Tivemos relatos do que elas viveram nesta pandemia, como o desemprego dos pais e a impossibilidade de ir às escolas. Os pedidos vão de carrinho com controle remoto, barra de chocolate até a tão sonhada bicicleta e patins”.

Das 361 cartas recebidas, ainda faltam 185 para serem apadrinhadas e Amanda faz um pedido. “Penso que apesar de toda as dificuldades que enfrentamos neste ano de 2020, muitas pessoas passaram por dificuldades ainda maiores. O pouco que pudermos contribuir para fazermos estas crianças felizes já vale muito”, diz. Quem puder ajudar é só entrar em contato com a Amanda pelo telefone (31) 99153-9616.

natal do afeto carta crianca
Uma das cartinhas recebidas pelo projeto (Arquivo pessoal/Amanda Dornelas)

Edição: Vitor Fernandes
Vitor Fórneas
Vitor Fórneasvitor.forneas@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde maio de 2017. Jornalista graduado pelo UniBH (Centro Universitário de Belo Horizonte) e com atuação focada nas editorias de Cidades e Política. Teve reportagens agraciadas pelo prêmio CDL.

Comentários