Ufa! Cruzeiro passa sufoco com um a menos, mas segura vitória e respira

cruzeiro vence sampaio correa
Cruzeiro venceu o adversário em partida realizada nesta sexta (Bruno Haddad/Cruzeiro/Divulgação)

Na primeira partida pós-centenário, o Cruzeiro passou um sufoco contra o Sampaio Corrêa. Jogando com 10 homens desde os 5 minutos do 2T, o time celeste conseguiu segurar a vitória até o final nesta noite de sexta-feira (8) no Castelão, em São Luís. Com o primeiro triunfo em 5 jogos, o time celeste conseguiu se distanciar mais da zona de rebaixamento, e se mantém no meio da tabela.

Na próxima rodada, o Cruzeiro, 11º lugar com 44 pontos, enfrenta o último colocado Oeste, nesta quarta-feira (13) às 21h30, no Independência em Belo Horizonte.

Ué, mas já?

Logo no começo, o Cruzeiro abriu o placar. Aos 3 do 1T, Giovanni deu lindo passe para Airton na esquerda. O atacante cruzou nos pés de Pottker, que mandou direto para as redes, fazendo o primeiro gol celeste no ano de 2021. 

Duelo equilibrado

O Sampaio Corrêa tentou não se abalar com o gol sofrido, e tentava chegar. Aos 22 do 1T, o time teve a melhor chance até então: Roney invadiu a área e bateu colocado um chute que passou perto da trave de Fábio. Apenas um minuto depois, o clube celeste respondeu. Sobis aproveitou a bobeada do goleiro Gustavo, que tentou sair jogando com os pés, e mandou de primeira com o gol vazio, mas a bola saiu.

Como o Cruzeiro recuou, o time da casa aproveitou para ameaçar. Aos 33, o atacante Robson fez linda jogada na área e chutou uma bomba. Fábio estava lá e espalmou para evitar o empate. Sobis teve outra boa chance de ampliar aos 39 do 1T, quando recebeu na área, mas o zagueiro travou seu chute.

Que milagre!

No finalzinho da primeira etapa, um lance inacreditável: aos 44, Caio Dantas, o artilheiro da Série B, cabeceou e Matheus Pereira tirou de peito. A bola voltou para o mesmo Caio, que tentou novamente, mas Ramon se jogou na redonda para tirar. Um minuto depois, o artilheiro dominou na área, mas foi interceptado por Matheus Pereira e Fábio.

Um a menos

Logo no começo do 2T, o Cruzeiro perdeu um jogador. Apenas nos 5 primeiros minutos, Pottker recebeu dois cartões amarelos por indisciplina e foi mais cedo para o vestiário. O atacante já levou 7 cartões amarelos e 2 vermelhos na Série B.

Pressão continua

Com um homem a mais em campo, o Sampaio continuava tentando o empate. Aos 27, confusão na área cruzeirense: Caio Dantas cruzou para ninguém, mas a bola sobrou para Marcinho. Ele tentou chutar, mas pegou mal, e a zaga tirou. Apenas 3 minutos depois, o mesmo Marcinho cobrou falta perigosa rasteiro e Fábio agarrou. Aos 43, o atacante Caio Dantas chutou de fora da área e o arqueiro azul defendeu. No minuto seguinte, o goleiro salvou novamente, depois da bicicleta de Jackson.

Com o acréscimo de 9 minutos, o jogo foi sofrimento até o final para a torcida celeste. Porém, o centenário Cruzeiro conseguiu sair de São Luís com a 8ª vitória como visitante – e com 44 pontos na tabela. 

Beatriz Kalil Othero
Beatriz Kalil Otherobeatrizkof@gmail.com

Mineira de BH, graduanda em jornalismo pela UFMG e fascinada por futebol, dentro e fora das quatro linhas. Cobre os jogos dos times mineiros como repórter freelancer para o BHAZ.

Comentários