Suspeito de atirar em investigador da Polícia Civil é preso na capital

viaturas polícia civil
Um dos suspeitos havia sido preso em flagrante, e o outro foi localizado dias depois (Amanda Dias/BHAZ)

Um jovem de 19 anos foi preso, nessa segunda-feira (18), suspeito de tentativa de homicídio contra um policial civil em Belo Horizonte. Ainda na segunda-feira, ele teria atirado contra o investigador de 36 anos, que estava em serviço.

Além do jovem, um outro rapaz da mesma idade também foi preso em flagrante por tráfico de drogas. A polícia apreendeu drogas e material ligado ao comércio de entorpecentes durante a ação.

O policial, que foi atingido pelo disparo no pescoço, realizava uma ação relacionada à investigação de crimes de homicídios no bairro Cabana do Pai Tomás, na região Oeste da capital. Ele foi encaminhado para atendimento médico e já recebeu alta.

O delegado Frederico Abelha explica que a equipe estava em uma viatura descaracterizada quando avistou um homem portando arma de fogo. Ao anunciarem que eram policiais civis, eles foram recebidos a tiros. “Tinha outros indivíduos no local que estão sendo identificados. Também foi preso outro suspeito, que estava com substâncias entorpecentes e foi flagrado pelo tráfico”, detalha o delegado.

O delegado ainda informa que o suspeito de atirar contra a equipe da Polícia Civil foi preso no hospital, pois também teria sido atingido durante a ação. “Ele foi inicialmente conduzido para a UPA Oeste e, de lá, encaminhado para o João XXIII, onde recebeu voz de prisão”, explica.

A Polícia Civil agora vai prosseguir com as investigações.

Com PCMG

Giovanna Fávero
Giovanna Fáverogiovanna.favero@bhaz.com.br

Repórter no BHAZ desde outubro de 2019. Jornalista graduada pela PUC Minas (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais) e com atuação focada nas editorias de Cidades, Guia e Cultura.

Comentários