Thelma Assis, campeã do BBB, vai à delegacia denunciar ataques racistas

thelma-assis
A médica, de 35 anos, vem sofrendo ataques racistas nas redes sociais há vários meses (Reprodução/@thelminha/Instagram)

A campeã do Big Brother Brasil 20, Thelma Assis, foi até o DHPP (Departamento de Homicídio e Proteção À Pessoa) denunciar os ataques racistas que vem recebendo nas redes sociais. Em seu perfil no Instagram, a médica publicou, no início da tarde de hoje (19), uma foto na qual aparece na sede da polícia. Na legenda, ela deixou um recado: “Fogo nos racistas”.

Na foto postada, Thelma Assis escreveu: “Eu sempre disse que internet não era terra de ninguém. Grande dia, fogo nos racistas”. Em nota enviada à Jovem Pan, a assessoria de imprensa da campeã do BBB 20 não deu muitos detalhes. “Thelminha esteve hoje na delegacia para depor sobre os casos de racismo que sofreu. Por ora, ela não se pronunciará sobre o assunto”.

Durante uma live transmitida em maio de 2020, Thelma e a repórter Luanda Vieira foram vítimas de ataques racistas. Na ocasião, a campeã do BBB comentou que isso acontecia em todas as transmissões. “Queria pedir licença para as pessoas que estão nos assistindo para denunciar os comentários racistas. Estamos aqui falando de racismo estrutural e ainda tem gente que tem coragem de colocar comentários racistas numa live tão importante como a nossa”.

Ilha com as amigas

No final do ano passado, um dos filhos do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Eduardo Bolsonaro (PSL), criticou Thelma Assis nas redes sociais. O motivo dos comentários do deputado federal foi pela médica ter passado o Revéillon numa ilha privada na presença de oito amigos. Estavam presentes Bruna Marquezine, Manu Gavassi e Rafa Kalimann.

“Mais uma para a conta da hipocrisia”, disse o deputado, compartilhando um vídeo de uma campanha em que Thelma pedia a população para ficar em casa.

A campeã do BBB rebateu às críticas de Eduardo Bolsonaro, dizendo que há outros problemas que ele deveria se preocupar. Relembre os fatos:

Andreza Miranda
Andreza Mirandaandreza.miranda@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Comentários