IBGE abre inscrições para 180 mil vagas de trabalho no Censo 2021

censo ibge apartamento bh
Selecionados irão às casas dos brasileiros para coletar informações (Arquivo/EBC + Amanda Dias/BHAZ)

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) abriu, nesta terça-feira (23), as inscrições para o cargo de recenseador do Censo Demográfico 2021. São quase 182 mil vagas apenas para essa função, que é uma das três disponíveis para inscrição. As outras duas, de agente censitário municipal e agente censitário revisor, já foram abertas há mais tempo e ainda estão disponíveis para os interessados.

Para o cargo de recenseador, os empregos são temporários, inicialmente por três meses – podendo ser estendidos. A remuneração é atrelada à produtividade, ou seja, depende do número de casas visitadas e de pessoas recenseadas, além do tipo de questionário aplicado. O trabalho exige Ensino Fundamental completo.

As inscrições vão até o próximo dia 19 de março e podem ser feitas pelo site (acesse aqui) mediante pagamento de uma taxa de R$ 25,77. Os 181 mil selecionados vão atuar em 5,3 mil municípios e o local de trabalho de preferência deverá ser apontado no momento da inscrição.

A seleção será feita através de uma prova, que está marcada para o dia 25 de abril. No site do Censo é possível obter informações sobre o processo seletivo e também será possível simular o salário de recenseador.

Agente censitário

Até o próximo dia 15 de março, também ficarão abertas as inscrições para os processos de seleção de agentes censitários supervisor e municipal. Ao todo, são oferecidas 16, 5 mil e 5,4 mil vagas, respectivamente. As pessoas selecionadas para essas funções serão responsáveis por supervisionar a ação dos recenseadores. O trabalho exige Ensino Médio completo.

Para os agentes censitários municipais, a remuneração é de R$ 2,1 mil. Já para os supervisores, o salário é de R$ 1,7 mil. Assim como o cargo de recenseador, ambos os empregos são temporários, com duração inicial de cinco meses – podendo ser estendida – e carga horária semanal de 40 horas.

As inscrições também devem ser feitas pelo site (acesse aqui) e o valor da taxa é um pouco mais alto: R$ 39,49. A prova de seleção será aplicada no dia 18 de abril e permite que os interessados concorram tanto às vagas de agente censitário como à de recenseador.

A pesquisa, que estava prevista para ser realizada no último ano, acabou sendo adiada por causa da pandemia de Covid-19. A intenção é que os selecionados visitem os mais de 70 milhões de endereços do Brasil para coletar informações como características dos domicílios, identificação étnico-racial, nupcialidade, fecundidade, religião ou culto, deficiência, migração, educação, deslocamento, trabalho e mortalidade, entre outros.

Com Agência Brasil

Giovanna Fávero
Giovanna Fáverogiovanna.favero@bhaz.com.br

Repórter no BHAZ desde outubro de 2019. Jornalista graduada pela PUC Minas (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais) e com atuação focada nas editorias de Cidades, Guia e Cultura.

Comentários