Jovem de Uberlândia é preso por fazer post sobre visita de Bolsonaro

Tela de celular com ícones de aplicativos de facebook e twitter
A Polícia Militar monitorava as redes sociais (Banco de imagens: Pixabay/LoboStudioHamburg)

Um jovem de 24 anos foi preso em flagrante nesta quinta-feira (4) por fazer postagens sobre a visita do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) a Uberlândia, no Triângulo Mineiro. A Polícia Militar identificou nas redes sociais posts considerados como incitação à violência contra o presidente.

De acordo com o G1, o rapaz publicou em seu Twitter a frase: “Gente, Bolsonaro em Udia [se referindo à cidade] amanhã… Alguém fecha virar herói nacional?”. Segundo a PF (Polícia Federal), ao menos três pessoas que comentaram o post do jovem também enviaram mensagem com apoio à violência.

O autor das mensagens foi conduzido até a Delegacia da PF onde foi preso em flagrante. A Polícia Federal vai continuar com as investigações para identificar os demais autores e todos poderão ser indiciados pelo mesmo crime.

De olho nas redes

O jovem foi preso depois que o serviço de inteligência da Polícia Militar de Uberlândia fez um monitoramento de postagens nas redes sociais. Para a corporação, o caso se trata de “incitação à prática de crimes contra a integridade física e a vida” do presidente. Ainda segundo o G1, o rapaz foi liberado por volta das 18h30, após receber alvará de soltura. A família espera orientação dos advogados para se posicionar sobre o ocorrido.

Durante a noite de hoje (4), ‘Uberlândia’ ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter. Internautas de várias partes do país comentaram sobre a visita de Jair Bolsonaro à cidade mineira. Alguns criticaram a atitude do presidente, devido aos números da Covid-19 no município. Outros também opinaram sobre a prisão do jovem.

Edição: Giovanna Fávero
Jordânia Andrade
Jordânia Andradejordania.andrade@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde outubro de 2020. Jornalista formada no UniBH (Centro Universitário de Belo Horizonte) com passagens pelos veículos Sou BH, Alvorada FM e rádio Itatiaia. Atua em projetos com foco em política, diversidade e jornalismo comunitário.

Comentários