Festa com 600 pessoas é realizada em Contagem mesmo Covid em alta

Várias pessoas em uma festa clandestina em Contagem
Festa foi interrompida após chegada da fiscalização (Guarda Municipal de Contagem/Divulgação)

O aumento de casos confirmados e da ocupação de leitos para tratar o novo coronavírus não estão inibindo a realização de eventos clandestinos. Em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, uma festa com cerca de 600 pessoas foi interrompida na noite desse sábado (6). No local, as pessoas estavam aglomeradas e não utilizavam máscaras de proteção.

A Guarda Municipal foi até o bairro Quincas do Jacuba, após moradores denunciarem o evento. A Prefeitura de Contagem informou ao BHAZ que a equipe de fiscalização encontrou aglomeração e todos os protocolos sanitários desrespeitados. No sítio havia cerca de 600 pessoas.

Os participantes não utilizavam máscara de proteção, muitos estavam em pé e as mesas ficavam próximas umas das outras. O sítio tinha alvará para funcionar como restaurante. A equipe da patrulha Pacto pela Vida constatou que, no entanto, o local não funcionava conforme o permitido na autorização municipal.

“Diante da chegada da patrulha, constatou-se que o local estava promovendo um evento clandestino. Ele não estava funcionando como restaurante e, portando, foi interditado”, informou o Executivo municipal. A PM esclareceu que ninguém foi preso.

Sítio é interditado pela Prefeitura de Contagem
Sítio foi interditado após ação da fiscalização (Guarda Municipal de Contagem/Divulgação)

Mais desrespeito

A noite de fiscalização teve um casamento e um espetinho interditados em Contagem. No bairro Tupã, uma cerimônia matrimonial também foi interrompida, pois havia aglomeração de pessoas. O local, além de desrespeitar as orientações médicas, não possuía documentação que autorizava o funcionamento.

Já no bairro Alvorada, o proprietário de um espetinho foi autuado por funcionar em desconformidade com a determinação municipal. Nesses dois casos, conforme informou a Polícia Militar, não houve conduzidos nem a assinatura de TCO (Termo Circunstanciado de Ocorrência).

Covid-19

Dados de ontem do Boletim Covid-19 indicam que 20.853 pessoas testaram positivo na cidade e 743 morreram. A taxa de ocupação de leitos de enfermaria para tratar o coronavírus está com 81% – nível vermelho – e os leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) 80% – amarelo. O número médio de transmissão por infectado (RT) está em 1,08 – amarelo.

Para conter o avanço da pandemia na cidade da Grande BH, está proibida a realização de festas e eventos particulares com mais de 10 pessoas desde janeiro de 2021. O decreto pode ser lido clicando aqui.

Boletim Covid-19 de Contagem
Boletim de sábado com números da pandemia na cidade da Grande BH (Reprodução/@prefeituracontagem/Facebook)

Edição: Thiago Ricci
Vitor Fórneas
Vitor Fórneasvitor.forneas@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde maio de 2017. Jornalista graduado pelo UniBH (Centro Universitário de Belo Horizonte) e com atuação focada nas editorias de Cidades e Política. Teve reportagens agraciadas pelo prêmio CDL.

Comentários