Idoso morre após passar mal e bater o carro na Cristiano Machado

Cristiano Machado
O veículo colidiu em uma mureta de segurança da avenida (Reprodução/Google Streetview)

Um motorista morreu após passar mal ao volante e bater o carro na madrugada desta sexta-feira (19), na avenida Cristiano Machado, na região Norte de Belo Horizonte. O idoso de 79 anos colidiu com a mureta que faz segurança da via, mas o motivo da morte, segundo os militares, seria a parada cardíaca.

Carlos Luiz de Miranda dirigia em direção à região de Venda Nova quando, por volta das 5h40, passou mal. O mal súbito ocorreu no momento em que trafegava na altura do número 9610, no bairro Vila Suzana, região da Pampulha. O idoso perdeu o controle da direção e bateu na estrutura de segurança. A polícia acredita nessa hipótese, já que não havia marcas de frenagem na pista.

Os militares que realizaram o primeiro atendimento também relataram que a vítima foi encontrada no interior do veículo com a tonalidade da pele bastante roxa – e com cinto de segurança. Os bombeiros tentaram socorrer a vítima, e o procedimento de reanimação se estendeu por 20 minutos, até a chegada de uma equipe do Samu, que então passou a ajudar com acompanhamento médico, mas não foi possível reanimar o homem.

O óbito foi constatado no local e a perícia foi acionada. Não houve outras vítimas.

Trânsito

O trânsito na Cristiano Machado ficou lento entre o cruzamento com a avenida Saramenha até a estação Waldomiro Lobo. A pista foi completamente liberada, em direção ao bairro, por volta das 8h30. Também foi registrada uma outra batida na via, mas em outro ponto. “Acidente na altura da rua Jacuí, sentido bairro-Centro. Trânsito está lento até atura da avenida José Cândido”, informou a BHTrans às 7h50.

Edição: Thiago Ricci

Comentários