PBH recebe novas doses e amplia vacinação para idosos de 63 anos

vacinação drive thru
Vacinas serão aplicadas a partir desta quarta-feira (Tânia Rêgo/Agência Brasil)

A PBH (Prefeitura de Belo Horizonte) anunciou, nesta segunda-feira (12), que vai ampliar a imunização contra a Covid-19 após receber uma nova remessa de vacinas. Agora, os imunizantes também serão aplicados em idosos de 63 anos completos até o dia 30 deste mês. A nova etapa começa a partir desta quarta-feira (14).

Junto com os idosos de 63 anos, a nova remessa também vai servir para imunizar os trabalhadores da saúde entre 43 e 49 anos que se cadastraram no site da prefeitura até a última semana. Para este grupo, a imunização começará na quinta-feira (15). Além disso, a PBH também antecipou a aplicação da segunda dose em idosos de 74 e 73 anos. Veja como fica a programação com as novidades:

  • 63 anos: de quarta-feira (14) até sexta-feira (16)
  • Trabalhadores da saúde entre 43 anos e 49 anos (cadastrados no site da PBH até o dia 9 de abril): de quinta-feira (15) até sexta-feira (16)
  • Segunda dose para idosos de 74 e 73 anos: sábado (17)

Idosos com 63 anos

Para este grupo, a vacinação acontece nas datas indicadas, de 7h30 às 16h30 nos centros de saúde da capital e postos fixos (confira os locais aqui).

As nove Unidades de Atendimento 24h não Covid, que estão em funcionamento nas sedes de centros de saúde, estão exclusivas para atendimentos aos casos de baixa e média complexidade não respiratórios e não está sendo feita a aplicação de vacinas.

O endereço dos locais está disponível no portal da prefeitura. O horário de funcionamento dos pontos drive-thru é das 8h às 16h30, (confira os endereços aqui).

Trabalhadores da saúde

Para receber a primeira dose da vacina, o trabalhador da saúde cadastrado deve cumprir os seguintes requisitos:

  • ser trabalhador da saúde em atividade em estabelecimentos de saúde de Belo Horizonte;
  • ter preenchido o cadastro para a vacinação de trabalhadores da saúde, de forma válida, até 23h59 de 9 de abril;
  • ter completado 43 anos ou mais até 30 de abril;
  • não ter recebido vacina contra a Covid-19;
  • não ter recebido qualquer outra vacina nos últimos 15 dias;
  • não ter tido Covid com início de sintomas nos últimos 30 dias

Nesta quinta-feira (15), a imunização dos trabalhadores da saúde será feita em pontos exclusivos. Os endereços estão disponíveis no portal da prefeitura (acesse aqui). Caso o trabalhador cadastrado não compareça aos pontos de vacinação nessa data, é necessário procurar um dos locais disponíveis nesta lista, levando todos os documentos, entre 7h30 e 16h30.

No momento da vacinação, o trabalhador precisa levar:

  • Documento de identificação com foto
  • Registro no conselho profissional (para profissionais de saúde)
  • Documento que comprove a vinculação ativa do trabalhador com serviço de saúde localizado em Belo Horizonte por meio da apresentação de:
  1. Comprovante de pagamento (contracheque) emitido nos últimos 3 meses; ou
  2. Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) com especificação da função; ou
  3. Contrato de trabalho; ou
  4. Relatório do CNES; ou
  5. Declaração de Imposto sobre a Renda – Pessoa Física 2020 – ano-calendário 2019, ou 2021 – ano-calendário 2020, com a identificação da ocupação principal declarada; ou
  6. Declaração de vinculação ativa como trabalhador de saúde emitida pelo serviço de saúde (conforme modelo)

Segunda dose para idosos de 74 e 73 anos

A antecipação da aplicação da segunda dose da vacina neste público será nos postos fixos, extras e pontos de drive-thru das 7h30 às 13h de sábado, dia 17. O endereço dos locais está disponível no portal da prefeitura.

É necessário que o idoso leve documento de identidade, CPF e comprovante de residência, além do cartão de vacinação que conste a aplicação da primeira dose.

Com PBH

Edição: Roberth Costa
Giovanna Fávero
Giovanna Fáverogiovanna.favero@bhaz.com.br

Repórter no BHAZ desde outubro de 2019. Jornalista graduada pela PUC Minas (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais) e com atuação focada nas editorias de Cidades, Guia e Cultura.

Comentários