Homem tenta interromper festa, não é atendido e esfaqueia vizinho

Sede da Delegacia de Plantão de Contagem
Ocorrência foi encerrada na Delegacia de Plantão de Contagem (Reprodução/Google Street View)

Uma festa, em plena pandemia do novo coronavírus, terminou com um jovem esfaqueado, um apartamento destruído e uma família sem lar. A confusão começou quando um homem de 30 anos promoveu um evento com dezenas de pessoas, na noite dessa terça (13), em Contagem, na região metropolitana de BH. Insatisfeito, um vizinho pediu para a “bebedeira” acabar e os ânimos se exaltaram.

Segundo a Polícia Militar, o entrevero ocorreu por volta das 22h. O homem de 30 anos decidiu fazer uma festa com mais de 30 pessoas no apartamento, que fica no último andar de um prédio no bairro Nazaré. O morador do primeiro andar, que dividia o lar com a esposa e filho pequeno, ficou incomodado e decidiu pedir para o vizinho suspender o evento.

O pedido não foi bem recebido e os homens começaram a brigar. Em determinado momento, um participante da festa, de 22 anos, resolveu entrar na briga e acabou sendo esfaqueado pelo morador do primeiro andar. O golpe ocorreu perto da região do coração e a vítima precisou ser socorrida às pressas.

O jovem esfaqueado, que tem passagem pela polícia pelos crimes de estupro de vulnerável e tráfico de drogas, foi levado inicialmente à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Nova Contagem, mas, por conta da gravidade do ferimento, precisou ser transferido ao Hospital Municipal de Contagem.

Fuga e destruição

Desesperado, o autor da facada decidiu abandonar o próprio lar. Pegou a esposa e o filho pequeno e fugiu. Cerca de 30 pessoas que participavam da festa no apartamento do último andar decidiram destruir a residência do rapaz. Janelas, portas, mesa, guarda roupa, máquina de lavar, geladeira e copos foram destruídos, conforme relatado pela PM.

Os policiais tentaram encontrar o autor da facada: questionou familiares e fez buscas nas casas de parentes. Mas não conseguiram encontrá-lo. O suspeito não tinha passagens e não foi localizado até o fechamento da ocorrência. O caso foi encerrado na Delegacia de Polícia Civil de Plantão de Contagem.

Covid em Contagem

Autoridades sanitárias recomendam, desde o início da pandemia, que as pessoas evitem aglomerações – como a festa que provocou toda a discussão – para evitar o contágio pelo novo coronavírus. Contagem, na Grande BH, está com os leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e enfermaria Covid operando com mais de 90% de ocupação. O primeiro está com 91% e o segundo com 97%.

O número médio de transmissão por infectado (RT) está em 1,09 – nível amarelo. A cidade tem 27.777 casos confirmados e 1.042 mortes provocadas pelo vírus. Os dados são do Boletim Covid-19 de ontem.

boletim covid contagem
Boletim com dados da pandemia em Contagem (Reprodução/@prefeituracontagem/Facebook)

Edição: Thiago Ricci
Vitor Fórneas
Vitor Fórneasvitor.forneas@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde maio de 2017. Jornalista graduado pelo UniBH (Centro Universitário de Belo Horizonte) e com atuação focada nas editorias de Cidades e Política. Teve reportagens agraciadas pelo prêmio CDL.

Comentários