BH será palco de feira que faz ponte entre empresas e para população LGBTQIA+

bandeira lgbt
O evento visa conectar estudantes e profissionais lésbicas, gays, bissexuais, trans, intersexuais a empresas que promovam a diversidade (FOTO ILUSTRATIVA/Banco de imagens: PIxabay)

Belo Horizonte recebe, no próximo mês, um evento que levará consultoria profissional gratuita à população LGBTQIA+. A Feira DiverS/A, organizada pelo Mais Diversidade, ocorre na capital mineira no dia 8 de junho, com o objetivo de conectar estudantes e profissionais lésbicas, gays, bissexuais, trans, intersexuais a empresas que promovam a diversidade.

As inscrições devem ser realizadas pelo site do projeto até 4 de junho. Além de BH, o evento também acontece no Rio de Janeiro, Porto Alegre, Salvador e São Paulo e deve atrair um público estimado de 5 mil pessoas.

“Vamos ter happy hour e muitos matches acontecendo, tenho certeza de que será um grande momento para as empresas conhecerem talentos, e para as pessoas LGBTI+ encontrarem vagas de emprego e parceiros para empreender”, explica Ricardo Sales, CEO da Mais Diversidade.

Nesta edição, haverá o lançamento de uma plataforma de empregabilidade permanente. Dessa forma, quem se inscrever no evento e finalizar todo o cadastro na plataforma terá acesso a oportunidades de emprego exclusivas para população LGBTI+ nas empresas patrocinadoras.

A organização do evento divulgará o local nos próximos dias.

Formato híbrido

Em 2021, 4 mil pessoas se inscreveram no evento, que foi online devido a pandemia. Neste ano, além da feira nas cinco capitais brasileiras, também haverá transmissão pela internet.

“Pensamos esse evento de forma híbrida para que possamos incluir o maior número de pessoas possível. Nossa ideia é abrir espaço de conversa e networking em todo o Brasil. E os eventos presenciais serão um plus em nossa agenda”, explicou Ricardo.

Larissa Reislarissa.reis@bhaz.com.br

Graduada em jornalismo pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e repórter do BHAZ desde 2021. Vencedora do 13° Prêmio Jovem Jornalista Fernando Pacheco Jordão, idealizado pelo Instituto Vladimir Herzog.

Comentários