De virada, Galo vence com 2 de Hulk e pula para a vice-liderança

Reprodução/ Pedro Souza / Atlético

Como diz a torcida, “o Galo é o time da virada” e venceu o Corinthians por 2 a 1 nesta noite de sábado (17) na Neo Química Arena, em São Paulo. O clube jogou bem melhor no segundo tempo, contou com a sorte da bola adversária na trave e superou o time paulista com dois gols de Hulk. Com o ótimo resultado fora de casa, o alvinegro agora é vice-líder da competição, com 25 pontos, o mesmo número do líder Palmeiras, que ainda jogará na rodada.

Na próxima, o Galo busca a 6ª vitória seguida no duelo contra o Bahia no Mineirão, neste domingo (25). Mas antes, o time tem um compromisso importante pela Libertadores: o jogo da volta das oitavas contra o Boca Juniors, nesta terça-feira (20), no Mineirão.

De dar sono

O jogo começou truncado, e até os 23 minutos do primeiro tempo, nenhum dos dois times havia finalizado. A criatividade estava em falta nos dois lados, que também se esforçavam na defesa. A tentativa inicial veio no chute fraco e rasteiro de Nathan, defendido por Cássio.

‘Gol bobo’

A partida não estava animada, mas na primeira boa chance que teve, o time paulista não desperdiçou. Na marca dos 37 do 1T, Cantillo desarmou o jogador atleticano no meio de campo e achou Gustavo Mosquito, que passou limpo por Alonso na área e chutou direto para as redes. Na comemoração do gol, o atleta se emocionou bastante. Recentemente, ele afirmou que perdeu o avô para a covid-19 uma semana depois de perder o pai para a doença.

Nos acréscimos, aos 47, veio a melhor chance do Galo até então: Hulk deu bom passe para Nathan, ele chutou cruzado na área, mas a bola passou.

Pressão atleticana

Na volta para o 2T, o Galo pareceu ter acordado de vez. Na marca dos 8 minutos, Mariano fez boa jogada e cruzou na cabeça de Zaracho. A bola foi no cantinho, mas Cássio conseguiu mandar para escanteio. Aos 12, Sasha chutou de primeira da diagonal na área e o goleiro do Timão novamente interferiu.

E que empate!

O time mineiro estava melhor na partida e teve seu gol merecido. Hulk cobrou falta com perfeição aos 18 minutos e deixou tudo igual no placar! A bola, que bateu na trave antes de entrar, representou o 12º gol do super-herói com a camisa alvinegra.

O time da casa teve a chance de voltar à frente no placar aos 34 do 2T, após a falta cobrada por Vitinho na barreira. Marquinhos pegou a sobra de primeira e a bola passou perto.

Valeu, trave

Apenas um minuto depois, um lance impressionante: a bola sobrou na área para Jô, ele chutou de primeira e a bola foi em Everson. No rebote, o ex jogador do Atlético chutou na trave com o gol praticamente vazio.

Time da virada

Quem não faz, leva, né? O Galo não tinha nada a ver com isso e virou o jogo aos 40 do 2T, quando Hulk recebeu na área e chutou de primeira, direto para o gol: 2 a 1 para o Galo na capital paulista. Pelo Brasileirão, o atacante tem 4 gols e 5 assistências: ele esmaga! Resultado: virada importante fora de casa e quinta vitória seguida do embalado vice-líder da competição.

Beatriz Kalil Othero
Beatriz Kalil Otherobeatrizkof@gmail.com

Mineira de BH, graduanda em jornalismo pela UFMG e fascinada por futebol, dentro e fora das quatro linhas. Cobre os jogos dos times mineiros como repórter freelancer para o BHAZ.

Comentários