Doria diz que Bolsonaro será multado se não usar máscara em São Paulo

doria
Governador disse que estado ainda alinha detalhes para evento que deve contar com a presença do presidente neste sábado (Valter Campanato/Agência Brasil)

Por Débora Sögur-Hous

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta quarta-feira (9/6) que o governo estadual e a Secretaria de Segurança Pública (SSP) ainda avaliam como será feita a segurança em eventual manifestação de rua com a presença do presidente Jair Bolsonaro. Doria também disse que se Bolsonaro desrespeitar os protocolos sanitários paulistas, será responsabilizado.

“Avaliaremos as circunstâncias com a Secretaria de Segurança, observando o uso de máscaras. Se o presidente acha que, pelo fato de ser presidente, pode dispensar o uso de máscara, ele está enganado. Ele será multado como qualquer outro cidadão”, afirmou Doria.

O tucano também minimizou as críticas feitas ao movimento 29M, ato de protesto de pediu o impeachment de Jair Bolsonaro no dia 29 de maio. “Vimos fotos e imagens que registraram que na manifestação dos oposicionistas, todos estavam de máscaras”, declarou João Doria. As declarações foram dadas em entrevista a jornalistas nesta quarta-feira (9/6) no Palácio dos Bandeirantes.

Leia outras matérias no Metrópoles, parceiro do BHAZ.

OLHO NA DICA PARA ECONOMIZAR

Na sede do BHAZ, economizamos todos os meses na conta de energia por meio de uma operação regulamentada pela ANEEL e ainda desconhecida por muitos consumidores. E o melhor: não tivemos nenhum custo extra para ter acesso a esse desconto. Por isso, damos esta dica para quem mora em qualquer cidade de Minas Gerais.

Sua conta de luz pode ficar até 15% mais barata com a Metha Energia. Faça agora seu cadastro, é 100% DIGITAL e GRATUITO. Clique no botão abaixo e simule direto seu desconto mensal. Caso queira saber mais sobre a tecnologia, leia este conteúdo que explica em detalhes a operação.

Comentários