Empresa abre 120 vagas em Minas com foco em pessoas trans, negras e LGBT+

Carrefour vagas emprego pessoas deficiência
Forma de contratação é CLT + benefícios para modelo de trabalho híbrido (Arquivo/Agência Brasília)

A Mundiale está com 120 vagas abertas em Minas Gerais para a área de teleatendimento. As oportunidades são para trabalhar presencialmente na sede da companhia, em Belo Horizonte, e contam com os benefícios de plano de saúde (Saúde Sistema) e odontológico (Odontoprev); e vale alimentação ou refeição.

A empresa também ressalta que diversidade é um dos pontos avaliados na seleção, por isso, as vagas também priorizam pessoas transgêneros, negras e LGBTQUIA+.

São mais de 100 de customer partner (televendedor/operador de telemarketing) em modelo de trabalho híbrido. A forma de contratação é CLT + benefícios. Além disso, a empresa oferece mais de 20 vagas TECH, com trabalho home office de qualquer lugar do Brasil. Os interessados podem se inscrever aqui.

A diretora de Gente e Gestão da Mundiale, Cristiane de Ávila Fernandes, explica que o projeto de diversidade surgiu para trazer estrutura para uma cultura que já é prática dentro da corporação. “A gente sentiu necessidade de contemplar todas as ações no programa Mundiverso, mas tudo isso já faz parte do DNA da Mundiale”, conta.

A empresa

Mais de 74% dos funcionários da Mundiale são mulheres trans e cis, que ocupam também cargos de liderança. Com 20 anos de existência, a empresa trabalha com foco em telecomunicações de forma humana, assertiva e fluida.

A organização promove melhor relação entre marcas e consumidores por meio de jornadas personalizadas em canais digitais.

Esta reportagem é uma produção do Programa de Diversidade nas Redações, realizado pela Énois – Laboratório de Jornalismo, com o apoio do Google News Initiative

Edição: Giovanna Fávero
Jordânia Andrade
Jordânia Andradejordania.andrade@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde outubro de 2020. Jornalista formada no UniBH (Centro Universitário de Belo Horizonte) com passagens pelos veículos Sou BH, Alvorada FM e rádio Itatiaia. Atua em projetos com foco em política, diversidade e jornalismo comunitário.

Comentários