Empresário morre de Covid no dia do casamento após ele e o noivo receberem ameaças

rafael-luiz-e-saulo-rodrigues
Rafael e Saulo estavam com o casamento marcado para esse domingo (Reprodução/@saulorlopes/Instagram)

O empresário Saulo Rodrigues faleceu nesse domingo (18), mesma data que seu casamento estava marcado, em decorrência de uma parada respiratória. Ele e o noivo, Rafael Luiz, receberam ameaças recentemente, após anunciarem a cerimônia nas redes sociais. Saulo estava internado para tratar a Covid-19 em Anápolis, município de Goiás. O enterro foi marcado para a tarde desta segunda-feira (19).

Saulo e Rafael de casamento marcado para esse domingo. No Instagram, Rafael Luiz, que é influenciador digital, lamentou a morte do noivo. “Como eu vou viver sem você? Te perder logo hoje, que seria nosso casamento, sério como está doendo, não vou saber viver sem você”, escreveu nos stories.

Rafael também postou vídeos do casal, inclusive um cuja temática era o pedido de casamento. Ainda no Instagram, o noivo se declarou para Saulo: “Que Deus te receba em seus braços, você sempre com esse sorrisão cativante será lembrado por todos. Eu te amo eternamente”. Confira a postagem:

Saulo é intubado no dia do casamento

O ex-BBB Caio Afiune, que também é de Anápolis, chegou a comentar: “Sem palavras… Deus o recebeu de braços abertos e nós estamos aqui de braços abertos para te confortar! Deus te abençoe e te dê forças!!!!”. Segundo Rafael informou na rede social, o cortejo aconteceu às 13h no Norma Pizzari, hospital em que Saulo estava internado, e o enterro aconteceria no cemitério Park.

De acordo com o G1, Rafael Luiz contou que o empresário contraiu a Covid-19 no início deste mês e ficou com 60% dos pulmões comprometidos. Ele teve piora na última semana e acabou sendo internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do hospital.

“No sábado ele falou que não conseguiria cumprir a promessa que ele me fez, que era casar, e que ele não estava aguentando mais. No domingo, que era para ser nosso casamento, ele foi intubado. Ele faleceu no horário que estaria entrando na cerimônia, às 16h, estava no convite”, contou Rafael.

Casal recebeu ameaças de morte

Em maio deste ano, o casal recebeu ameaças de morte nas redes sociais após compartilharem que iriam se casar. Um homem chegou a ir até a loja que ambos possuíam, dizendo que iria atirar neles. Saulo e Rafael contaram ao G1 que pensaram em desistir do casamento e denunciaram as ameaças à polícia.

As mensagens foram enviadas por um perfil fake, cujo nome de usuário era “@mortesauloerafael”. Em uma das ameaças, a pessoa disse: “Vocês vão morrer. Vocês são uma vergonha para a cidade. Seus gays nojentos… Isso é falta de porrada na cara”.

“Vocês acham que a sociedade é obrigada a aceitar essas babaquices que vocês estão fazendo de expor ao ridículo ao público”, dizia uma outra mensagem. Segundo a Polícia Civil, o inquérito do caso está em andamento e depende de medidas judiciais representadas.

Edição: Giovanna Fávero
Andreza Miranda
Andreza Mirandaandreza.miranda@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Comentários