Fisioterapeuta cai de 3º andar de hotel por crise de sonambulismo

Talyssa Oliveira Taques olinda rio hotel
Talyssa Taques caiu do 3º andar de hotel (Arquivo pessoal/Talyssa Taques + Reprodução/Google Street View)

Por Mariana Costa

Talyssa Oliveira Taques, de 27 anos, estava hospedada em um hotel no Rio de Janeiro, com a família, quando teve uma crise de sonambulismo e caiu do 3º andar. De acordo com médicos, a fisioterapeuta teve o episódio, pois vinha de vários plantões no pronto-socorro de Cuiabá e no Hospital São Mateus, ambos de combate à Covid-19. A família agora tenta a transferência da jovem para o Mato Grosso.

Na primeira folga após vários plantões seguidos, a jovem resolveu passar o fim de semana com os pais e irmãos no Olinda Rio Hotel, em Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro. Na primeira noite, Talyssa adormeceu e, devido o cansaço, segundo o médico, ela caiu da janela do quarto onde se hospedava.

“Ela vinha de vários plantões e estava exausta. Segundo o neurologista do hospital, quando ela relaxou, teve uma crise de sonambulismo. Ela foi até a janela do hotel e escorregou. Para ela, estava indo ao banheiro”, contou a mãe de Talyssa, Angélica Oliveira.

Leia a reportagem completa no Metrópoles, parceiro do BHAZ.

Metrópoles
Metrópoles

O Metrópoles é um veículo de comunicação ágil, com linguagem acessível e totalmente focada no digital. Informar, escutar, interagir, debater, denunciar, diversificar, entreter e prestar serviço à sociedade do Distrito Federal e do país são especialidades do portal.

Comentários