Dois suspeitos de assalto a casa no Belvedere são presos

Casa que sofreu a tentativa de assalto (Google Street View/Reprodução)

Dois homens de 26 e 29 anos foram presos na madrugada deste sábado (2) no bairro Ipiranga, região Nordeste de BH. Eles são suspeitos de envolvimento na tentativa de assalto a uma casa no Belvedere, Zona Sul da capital, ocorrido na sexta (1). Um comparsa deles, de 20, foi baleado por uma das vítimas e morreu.

+ Ladrão baleado ao tentar assaltar casa de médicos morre em BH; idoso é atirador profissional

De acordo com informações da Polícia Militar, os suspeitos foram localizados após denúncia de uma empresa de locação de veículos. Segundo o proprietário, que presta serviços para motoristas de aplicativos, um dos locatários teria enviado uma mensagem afirmando que estava em uma corrida com três passageiros que teriam o forçado a participar do roubo no Belvedere, mas que não relatou à polícia.

O motorista de 29 anos afirmou ter recebido uma ligação de um presídio com coordenadas para a execução do crime. Ele teria que buscar dois comparsas no Morro do Papagaio, na região Centro-Sul, e outro no bairro São Benedito, em Santa Luzia, na Grande BH.

Eles assaltariam a casa e dividiriam o total roubado entre os cinco. Após a tentativa frustrada, entretanto, o motorista deixou os cúmplices em casa e seguiu a orientação do comparsa do presídio de abandonar o carro no bairro Ipiranga.

+ Ladrão invade casa de médicos no Belvedere e acaba baleado por idoso; comparsa foge

A Polícia encontrou o carro abandonado por meio de rastreamento do GPS e, em seguida, foram até a casa do motorista. Ainda por meio da geolocalização, os militares conseguiram ter acesso ao endereço de outro suspeito e se dirigiram até o local. Lá, o homem de 26 anos negou a participação no crime, mas quando indagado sobre outros detalhes acabou por cair em contradição. O endereço dos outros cúmplices não foram localizados.

Local em que os suspeitos foram presos (Reprodução/GoogleStreetView)

Durante a operação, foram encontradas munições de calibre 12 – bem como as armas que os criminosos utilizaram durante a tentativa de assalto. Os dois suspeitos foram levados para a Central de Flagrantes 1 (Ceflan) da Polícia Civil, em que ficarão à disposição da Justiça para a continuidade das investigações.

Rodrigo Salgado

Repórter do Portal Bhaz.