BH vai vacinar apenas pessoas de 43 e 44 anos neste sábado; veja detalhes

vacinação bh
A repescagem para quem perdeu a data de convocação retoma a partir da próxima segunda-feira (Gil Leonardi/Agência Minas)

A vacinação em Belo Horizonte, neste sábado (2), vai ser exclusiva para a aplicação de segunda dose de Pfizer em pessoas de 44 e 43 anos. A PBH (Prefeitura de Belo Horizonte) frisa que não haverá aplicação de outro imunizante neste fim de semana.

A repescagem para quem perdeu a data de convocação será retomada a partir da próxima segunda-feira (4), assim como a vacinação dos adolescentes da capital. Na próxima semana, BH também dá continuidade à aplicação das doses de reforço a idosos e imunossuprimidos. Confira o calendário dos próximos dias:

  • Dia 2, sábado: segunda dose de Pfizer exclusivamente para pessoas de 44 e 43 anos. Só poderão tomar a segunda dose no dia 2 as pessoas de 44 e 43 anos cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até 9 de outubro;
  • Dia 3, domingo: Não haverá vacinação;
  • Dia 4, segunda-feira: primeira dose para adolescentes de 16 anos, completos até 31 de outubro
  • Dia 5, terça-feira: primeira dose para adolescentes de 15 anos, completos até 31 de outubro. Para se vacinar, os adolescentes de 15 anos precisam estar acompanhados dos pais ou responsáveis legais;
  • Dia 6, quarta-feira: segunda dose de Pfizer para pessoas de 42 anos. Só poderão tomar a segunda dose no dia 6 as pessoas de 42 anos cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até 13 de outubro e dose de reforço para idosos de 76 anos, cuja segunda dose tenha completado 6 meses ou que faltem até 15 dias para completar este prazo;
  • Dia 7, quinta-feira: dose adicional para pessoas de 70 anos ou mais com alto grau de imunossupressão, cuja segunda dose tenha completado 28 dias, e dose de reforço para idosos de 75 anos, cuja segunda dose tenha completado 6 meses ou que faltem até 15 dias para completar este prazo;
  • Dia 8, sexta-feira: primeira dose para adolescentes de 14 anos, completos até 31 de outubro. Para se vacinar, os adolescentes de 14 anos precisam estar acompanhados dos pais ou responsáveis legais;
  • Dia 9, sábado: dose adicional para pessoas de 69 a 50 anos com alto grau de imunossupressão, cuja segunda dose tenha completado 28 dias, e primeira dose para adolescentes de 13 anos, completos até 31 de outubro. Para se vacinar, os adolescentes de 13 anos precisam estar acompanhados dos pais ou responsáveis legais.

Dose de reforço para imunossuprimidos

Para que as pessoas com alto grau de imunossupressão de 18 anos e mais possam receber a dose de reforço é necessário ter tomado a segunda dose há pelo menos 28 dias. Seguindo as orientações do Ministério da Saúde, podem se vacinar as pessoas que se enquadrem nos requisitos abaixo:

  • Imunodeficiência primária grave;
  • Quimioterapia para câncer;
  • Transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras;
  • Pessoas vivendo com HIV/Aids;
  • Uso de corticoides em doses ≥20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ≥14 dias;
  • Uso de drogas modificadoras da resposta imune, como Metotrexato, Leflunomida, Micofenolato de mofetila, Azatiprina, Ciclofosfamida, Ciclosporina, Tacrolimus, 6-mercaptopurina, Biológicos em geral (infliximabe, etanercept, humira, adalimumabe, tocilizumabe, Canakinumabe, golimumabe, certolizumabe, abatacepte, Secukinumabe, ustekinumabe) Inibidores da JAK (Tofacitinibe, baracitinibe e Upadacitinibe).Auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias;
  • Pacientes em hemodiálise;
  • Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas.

E no dia da convocação, esse público precisa apresentar os seguinte documentos:

  • Exames, receitas, relatório médico e/ou prescrição médica emitidos em até 12 meses antes da data da convocação para a dose adicional devendo conter o número do registro do respectivo conselho de classe, de forma legível;
  • Documento de identificação com foto e CPF;
  • Comprovante de residência em Belo Horizonte;
  • Não ter tido Covid-19 com início de sintomas nos últimos 30 dias.

Terceira dose para idosos

A aplicação nos idosos acamados a serem vacinados nos próximos dias também será iniciada. Os usuários podem aguardar o contato das equipes da Secretaria Municipal de Saúde para o agendamento do horário ou procurar as unidades para a marcação.

A PBH reforça que os idosos de 77, 76 e 75 anos que tomaram a AstraZeneca ainda não devem comparecer aos locais de vacinação e devem aguardar o intervalo para tomar a dose de reforço. Até o momento já foram convocadas para receber a dose de reforço idosos de 81 a 75 anos e de 88 a 86 anos.

Para que idosos possam receber a dose de reforço é necessário ser residente de Belo Horizonte, apresentar o comprovante de endereço, cartão de vacinação, ter recebido a segunda dose no prazo de 6 meses ou faltando 15 dias para completar este prazo.

A PBH reforça que as pessoas convocadas devem se vacinar nos locais listados para cada grupo. Antes se deslocar aos pontos de vacinação, é importante checar os endereços, que são disponibilizados no portal da Prefeitura. Para evitar filas e aglomerações, a Secretaria Municipal de Saúde orienta que o usuário se vacine no dia da convocação.

Com PBH

 

Larissa Reis
Larissa Reislarissa.reis@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Comentários