Ônibus do Move Metropolitano tomba na avenida Vilarinho, em BH, e deixa 29 pessoas feridas

ônibus tombado
Eixo traseiro do ônibus teria se soltado durante o deslocamento (Divulgação/CBMMG)

Um ônibus tombou na manhã de hoje (20), na avenida Vilarinho, na região Venda Nova, em Belo Horizonte. O veículo levava 93 passageiros e o acidente deixou 29 feridos. A causa do tombamento ainda é investigada, mas informações preliminares indicam que o eixo traseiro do veículo se soltou durante o deslocamento.

O veículo tombado é da linha 521, de Ribeirão das Neves, e o acidente aconteceu em frente à estação Candelária, no sentido Centro da avenida Vilarinho. Segundo o tenente Lucas Costa, do Corpo de Bombeiros, o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) esteve no local e realizou uma avaliação médica de todos os passageiros.

“Após a triagem, o Samu verificou que 29 pessoas precisariam ser conduzidas para a unidade hospitalar mais próxima, no Hospital Risoleta Neves. Somente duas dessas apresentaram lesões mais consideráveis, mas não tiveram pessoas com ferimentos graves, nem óbito no local”, informou o militar.

Nenhuma pessoa fora do ônibus foi atingida no tombamento (Asafe Alcântara/BHAZ)

Causa do acidente

O motorista do ônibus relatou às autoridades que não estava em alta velocidade no momento do acidente. Segundo ele, houve uma alteração na direção, que puxou o veículo para a esquerda. Logo depois, ele escutou um estalo e a direção travou. O ônibus continuou sendo puxado para a esquerda e depois pra direita, momento no qual acabou tombando.

Inicialmente, acredita-se que uma das peças do veículo se quebrou, levando ao colapso do eixo traseiro do ônibus. No local, o tenente Lucas Costa informou que as causas do tombamento já estão sendo investigadas. “Toda a dinâmica do acidente vai ser verificada pela Polícia Civil, juntamente com a Polícia Militar de Trânsito. A Perícia já se encontra no local”, detalhou.

Trânsito

Após o tombamento, o trânsito no local foi interditado. O desvio recomendado pela BHTrans é pela Rua Madre Tereza, Rua Geralda Rodrigues da Costa, Rua Baco e Av. Vilarinho.

Segundo a BHTrans, a Estação Candelária, do Move, também ficou sem funcionar por causa do acidente. As demais estações não foram afetadas.

Edição: Vitor Fernandes
Guilherme Gurgelguilherme.gurgel@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Escreve com foco nas editorias de Cidades e Variedades no BHAZ.

Comentários