Polícia Federal indicia governador Fernando Pimentel

Polícia Federal indicia governador Fernando Pimentel
(Reprodução/Agência Brasil)

O governador de Minas, Fernando Pimentel (PT), teria faltado a um depoimento marcado na última sexta-feira (8) na Polícia Federal e foi indiciado por corrupção passiva, organização criminosa, lavagem de dinheiro e tráfico de influência. De acordo com o jornal “Estado de S. Paulo”, o petista iria prestar declarações sobre fatos no âmbito da operação Acrônimo.

Conforme o diário, para a Polícia Federal, o governador teria favorecido uma grande revendedora de veículos. A PF também teria indiciado Pimentel em outro inquérito, que é desmembramento da Acrônimo, por crime de falsidade ideológica eleitoral.

Continue lendo no Jornal O TEMPO