Tempo seco em BH pode causar de dores de cabeça a problemas respiratórios; saiba como evitar

sol céu limpo
Umidade deve voltar a subir na quinta-feira (5) (Henrique Coelho/BHAZ)

Uma massa de ar seco já está atuando sobre Belo Horizonte e prejudicando a saúde dos moradores da capital mineira. Nesta terça-feira (3), a Defesa Civil emitiu um alerta para a baixa umidade relativa do ar, que pode intensificar problemas respiratórios e alergias, além de provocar dores de cabeça e sangramentos no nariz.

De acordo com o órgão, a umidade relativa do ar pode chegar a até 30% no período da tarde – o mais crítico do dia – até a noite desta quarta-feira (4). O número está abaixo do ideal recomendado pela OMS (Organização Mundial da Saúde) e exige cuidados e hidratação redobrados da população. A partir de quinta-feira (5), os efeitos do tempo seco devem ser amenizados, acompanhando uma queda na temperatura.

Belo-horizontinos sofrendo

De dor de garganta a lábios rachados, a baixa umidade já castiga a população da capital mineira. Nas redes sociais, moradores de Belo Horizonte estão desabafando sobre os problemas do tempo seco. “Para quê esse tempo seco? O nariz tá até entortando”, ironizou uma usuária do Twitter.

Cuidados redobrados

Mesmo estando dentro do esperado, o tempo seco ainda acende alertas relacionados à saúde. A partir de agora e ao longo dos próximos meses, os belo-horizontinos podem sofrer, frequentemente, complicações alérgicas e respiratórias, sangramento no nariz, irritação nos olhos e ressecamento na pele em função da baixa umidade do ar.

Confira abaixo as recomendações listadas pela Defesa Civil para amenizar os impactos neste período: ⠀

  • Hidrate-se durante o dia;
  • Prefira alimentos leves e frescos, como saladas, frutas, carnes grelhadas;
  • Evite frituras;
  • Durma em local arejado e umedecido por aparelhos umidificadores, ou ainda coloque uma bacia com água;
  • Evite atividades físicas ao ar livre e exposição ao sol entre as 10 e 17 horas;
  • Evite banhos com água quente, para não potencializar o ressecamento da pele, se necessário use hidratante;
  • Em caso de problemas respiratórios procure um especialista;

Outro problema muito comum neste período são os incêndios em lotes vagos, matas e florestas, que, além de prejudiciais para o meio-ambiente, também dificultam ainda mais a vida dos moradores. Em caso de incêndio, a recomendação é que as autoridades sejam acionadas imediatamente. Para isso, você pode contatar o Corpo de Bombeiros (193), Defesa Civil (199) ou Polícia Militar (190).

Previsão do tempo

O meteorologista Heriberto dos Anjos explica que a baixa umidade está sendo causada pela atuação de uma massa de ar seco sobre o estado. “Essa massa deixa o tempo mais estável e ensolarado. Quinta-feira (5) devem aumentar as nuvens na região e há até a possibilidade de chuvas isoladas”, informa.

Heriberto revela também que a temperatura em Belo Horizonte, para hoje (3) e amanhã (4), fica entre 17ºC e 30ºC. Nos dias seguintes, a temperatura deve cair gradativamente. Até o próximo dia 7, a temperatura mínima deve atingir 15ºC e a máxima deve cair para 25ºC. Já as pancadas de chuva, devem ser pouco significativas, mas levarão ao aumento da umidade na capital.

Guilherme Gurgelguilherme.gurgel@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Escreve com foco nas editorias de Cidades e Variedades no BHAZ.

Comentários