Pesquisar
Close this search box.

Ataque a tiros deixa aluna morta em escola estadual do Paraná

Por

Escola Estadual no Paraná
O suspeito é ex-aluno do colégio (Reprodução/Google Street View)

Um ataque a tiros em uma escola estadual do Paraná matou uma aluna e deixou outro estudante ferido, na manhã desta segunda-feira (19). O suspeito é ex-aluno do Colégio Estadual Professora Helena Kolody, em Cambé, e já foi preso.

De acordo com a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SESP) do Paraná, o ex-aluno de 21 anos foi ao colégio, supostamente, para solicitar seu histórico escolar. Já dentro do colégio, ele efetuou os disparos de arma de fogo.

A adolescente foi atingida por um tiro e morreu. Outro aluno também foi baleado e está internado.

“Os secretários de Segurança Pública e da Educação estão a caminho da cidade. O ex-aluno já foi detido e encaminhado para Londrina”, informa a pasta.

Autoridades se pronunciam

O governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), condenou o ataque por meio das redes sociais. “A violência do brutal ataque em uma escola estadual em Cambé causa indignação e pesar. O assassino foi preso, será julgado e condenado pelo crime bárbaro que cometeu”, diz publicação.

“Como governador e pai a minha solidariedade aos familiares nesse momento de dor tão profunda. Paraná está em luto”, completou o governador, que decretou luto de três dias no estado.

O presidente Lula (PT) também lamentou o ocorrido. “Mais uma jovem vida tirada pelo ódio e a violência que não podemos mais tolerar dentro das nossas escolas e na sociedade. É urgente construirmos juntos um caminho para a paz nas escolas. Meus sentimentos e preces para a família e comunidade escolar”, disse.

Já o ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, disse que conversou com Ratinho Junior para manifestar solidariedade e colocar o governo federal à disposição para auxiliar o governo estadual.

Sofia Leão

Repórter do BHAZ desde 2019 e graduada em jornalismo pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). Participou de reportagens premiadas pelo Prêmio Cláudio Weber Abramo de Jornalismo de Dados, pela CDL/BH e pelo Prêmio Sebrae de Jornalismo em 2021.

Mais lidas do dia

Leia mais

Acompanhe com o BHAZ