Falso motorista de app aplica golpe e mulher perde mais de R$ 4 mil em corrida de R$ 7,90

Falso motorista de app aplica golpe
Homem abordou passageira na rodoviária e disse trabalhar para a Uber (Arquivo pessoal/Reprodução/g1)

Uma mulher perdeu R$ 4.115 ao pagar uma falsa corrida de aplicativo feita pela cunhada, em Curitiba, na terça-feira (21). O motorista fingiu trabalhar para a Uber e fez a corrida por fora do aplicativo, cobrando o valor em uma máquina com a tela quebrada. As informações são do g1.

De acordo com a vítima, que pediu para não ser identificada, a cunhada dela estava na rodoviária da cidade e iria para o bairro Hugo Lange, uma distância de 3,5 quilômetros que custaria R$ 7,90 pelo aplicativo.

“Quando minha cunhada estava vindo para Curitiba, eu disse para ela pegar táxi e não Uber. Mas quando ela estava indo fazer isso, o homem chegou do nada e perguntou se ela queria uma corrida, porque ele era motorista de aplicativo. Ela acabou aceitando”, conta a mulher.

Quando o falso motorista de app chegou com a cunhada, ela tentou pagar com cartão de crédito ou dinheiro, mas ele não aceitou. “Ele disse que só aceitava no débito, que era uma regra da empresa. Aí ela me pediu para eu passar o meu cartão”, relata a vítima.

Salário do mês

Na hora de pagar a corrida, a mulher percebeu que a tela da máquina de cartão estava quebrada e achou estranho, mas não contestou. O falso motorista da Uber mostrou o valor da corrida – R$ 7,90 – na tela do celular, e ela passou o cartão.

“Na hora eu vi que estava estranho, mas paguei mesmo assim. Entramos em casa e pouco tempo depois eu recebi uma mensagem do banco dizendo que tinha saído dinheiro da minha conta. Quando eu olhei, tinha perdido R$ 4.115,00”, lembra.

A vítima, que é professora em Curitiba, ainda disse que o valor era o salário do mês inteiro que ela havia recebido há poucos dias.

Quando percebeu que levou um golpe, ela foi até o banco para tentar recuperar o dinheiro, mas não teve sucesso. No mesmo dia, ela prestou queixa na Delegacia de Furtos e Roubos e disse que a polícia identificou o motorista por meio dos dados da máquina do cartão.

“Nós chegamos a achar o homem nas redes sociais, vimos as fotos dele… Mas agora me pediram para fazer a denúncia na Delegacia de Estelionato”, completou.

Uber alerta

A Uber informa que todas as corridas devem ser feitas diretamente pelo aplicativo, para garantir a segurança do motorista e do passageiro. Confira o passo a passo listado pela plataforma para embarcar em uma corrida:

  1. Antes de embarcar, veja os dados do motorista no aplicativo.
  2. Confira se o motorista, o modelo e a placa do carro conferem com as informações que você vê no aplicativo.
  3. Confirme com o motorista as informações antes de partir.

A Uber também conta com a ferramenta U-Código, recurso de confirmação com número específico para ajudar o passageiro a ter certeza de que está entrando no carro certo. Leia mais sobre as ferramentas de segurança da plataforma aqui.

Edição: Vitor Fernandes
Sofia Leãosofia.leao@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde 2019 e graduanda em jornalismo pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). Participou de reportagens premiadas pelo Prêmio Cláudio Weber Abramo de Jornalismo de Dados, pela CDL/BH e pelo Prêmio Sebrae de Jornalismo em 2021.

Comentários