Luísa Sonza sobre conduta de Bolsonaro durante pandemia: ‘Eu te odeio’

luísa sonza cantora
Luísa Sonza usou as redes para desabafar sobre a conduta de Bolsonaro na pandemia de Covid-19 (Reprodução/@luisasonza/Instagram)

A cantora Luísa Sonza fez uma série de postagens revoltadas com a postura do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) diante da pandemia de Covid-19, na madrugada desta segunda-feira (10). A artista desabafou sobre as mortes que poderiam ter sido evitadas se houvesse uma melhor gestão da Saúde. “Tá tudo uma merda. Ver o Brasil nesse estado é desesperador”, disse.

“Todo dia é um esforço imenso pra ter vontade de abrir um sorriso e seguir trabalhando e fazendo as coisas. Como seguir vivendo vendo tanta gente morrendo nesse país por causa do descaso de um governo genocida?”, iniciou a cantora pelo Twitter.

Na continuidade, ela pediu a Deus proteção aos brasileiros. A cantora também se mostrou indignada pela quantidade de mortes causadas pela doença, principalmente por já existir vacina para o vírus. Um dos tuítes falava sobre a morte do ator Paulo Gustavo, por conta de complicações da Covid-19.

“Sério, eu tô com tanta raiva. Tanta tristeza. Não consigo parar de pensar no Paulo, e em todas as vidas que perdemos por um vírus [contra o qual] tem vacina. Todas essas mortes poderiam ter sido evitadas se tivéssemos um governo minimamente decente”, continuou.

‘Bolsonaro, eu te odeio’

No fim das mensagens, pediu desculpas pelo desabafo, mas disse que não conseguiria mais segurar o ódio em relação ao desserviço prestado pelo presidente durante a pandemia.

“Acredito muito que o ódio nunca resolve nada. Que odiar alguém nunca é a solução, independente de qualquer coisa. Porém, nesse momento, eu preciso desabafar sobre uma coisa que é: Bolsonaro, eu te odeio”, escreveu. “Por favor, não sigam meu exemplo nesse momento. Só tô desabafando”.

Edição: Thiago Ricci
Vitor Fernandes
Vitor Fernandesvitor.fernandes@bhaz.com.br

Editor e repórter do BHAZ desde fevereiro de 2017. Jornalista graduado pela PUC Minas, com experiência em redações de veículos de comunicação. Trabalhou na gestão de redes do interior da Rede Minas e na parte esportiva do Portal UOL. Com reportagens vencedoras nos prêmios CDL (2018, 2019 e 2020), Sindibel (2019), Sebrae (2021) e Claudio Weber Abramo de Jornalismo de Dados (2021).

Comentários