Mulher é presa no Rio de Janeiro ao transportar o marido morto dentro de uma mala

Os militares chegaram até a mulher após denúncia anônima

Uma mulher de 43 anos foi presa por uma guarnição do Exército após ser flagrada transportando o corpo do marido dentro de uma mala na noite dessa sexta-feira (26) em Magalhães Bastos, zona Oeste do Rio de Janeiro.  Os militares chegaram até ela depois de uma denúncia anônima. Ela foi abordada após  descer na Estação de Trem Magalhães Bastos e seguir para a avenida Duque de Caxias.

Segundo os militares do Exército, dentro da mala estava o corpo do marido dela, Jair Isidoro, de 68 anos. Após a abordagem, foram acionados policiais do 14ºBatalhão da Polícia Militar e a Delegacia de Homicídios da Polícia Civil . Aos policiais  S. C. B. M, confessou que matou o marido estrangulado pelo fio da TV. Ela contou que deu tranquilizantes à vítima com o objetivo de deixa-la desacordada, cometendo o crime em seguida. O motivo do crime alegado por ela  seria a descoberta de que ele havia a contaminado com o vírus HIV.

Os policiais da Delegacia de Homicídio da Polícia Civil foram até o local.

Presa em flagrante, ela foi levada para a delegacia de homicídio, onde prestou depoimento. Em seguida foi colocada à disposição da Secretária de Administração Penitenciária do Estado do Rio de Janeiro (Seap).

 

 

Jefferson Lorentz

Jeff Lorentz é jornalista e trabalhou como repórter de pautas especiais para o portal Bhaz.