Pesquisar
Close this search box.

Mulher chora ao mostrar loja vazia após furto de R$ 2 milhões em mercadorias no Rio Grande do Sul

Por

loja saqueada furto rs
Mulher mostrou loja vazia após ser roubada no Rio Grande do Sul (Reprodução/@marinezsilvalhauensteimd/Instagram)

Uma mulher chorou ao relatar que a loja dela no Rio Grande do Sul foi furtada em Arroio do Meio. Segundo Marinez Silva, foram levados 20 mil itens, totalizando um prejuízo de R$ 2 milhões. No início deste mês, a mulher compartilhou imagens do local vazio após o crime.

Por meio do Instagram, Marinez fez um desabafo e mostrou a loja suja e vazia. “Roubaram tudo, as prateleiras estavam lindas, coisa mais linda os corredores cheios de mercadoria, tiraram tudo, levaram freezer, geladeira, tudo, as motos das minhas funcionárias”.

Segundo a mulher, a moto de uma das funcionárias chegou a ser recuperada. “Eu tinha montado uma padaria aqui, coisa mais linda, tudo limpinho, tudo novinho, até a pia eles levaram, a fritadeira, a mesa de inox que eu comprei, eles levaram tudo, o olha o jeito que deixaram aqui”.

R$ 2 milhões em itens roubados

Marinez relatou que a loja estava limpa pois não havia sido inundada pelas enchentes, mas os resposáveis pelo roubo teriam sujado o local de lama e consumido bebidas no local. “600 metros quadrados de loja, mais de 20 mil itens dentro dessa loja, aproximadamente R$ 2 milhões de mercadoria dentro dessa loja”.

“Levaram os meus computadores, levaram todo o meu estoque que eu tinha aqui dentro, levaram tudo! Agora vão dizer que eu vou ser ruim porque tinha comida e eles precisavam, isso aqui era tudo paletes de leite, refri e cerveja, água eu tinha aproximadamente uns 6 paletes”.

“Onde está essa mercadoria que eles levaram? Isso era tudo cheinho!”, questionou a mulher, desesperada. Assista alguns registros feitos por Marinez:

Em outras postagens, Marinez compartilhou fotos da loja abastecida com produtos que iam desde objetos para casa até brinquedos, comidas e bebidas. “Onde estão as estantes verdes da vitrine, carrinho de mercado, balaio para colocar pão, cestinho para colocar mercadoria?”.

Mulher posta imagens da loja antes do roubo (Reprodução)

“Como podem ter pessoas tão baixas para fazer isso? Justo quando todos nós estávamos passando por dificuldades de perdas de familiares e casa, roupas, entre outras coisas. Até onde chega o ser humano? Isso é vergonhoso e revoltante”, declarou a dona da loja.

Marinez está fazendo uma vaquinha on-line para conseguir reabastecer a loja e comprar novos equipamentos. A meta é de R$ 2 milhões, e foram arrecadados, até o momento, R$ 17 mil.

Andreza Miranda

Graduada em Jornalismo pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e repórter do BHAZ desde 2020. Participou de duas reportagens premiadas pela CDL/BH (2021 e 2022); de reportagem do projeto MonitorA, vencedor do Prêmio Cláudio Weber Abramo (2021); e de duas reportagens premiadas pelo Sebrae Minas (2021 e 2023).

Mais lidas do dia

Leia mais

Acompanhe com o BHAZ