Quadrilha que vende drogas online e entrega pelos Correios está na mira da Polícia Federal

Divulgação

A Polícia Federal deu início nesta quinta-feira (20) à operação Flash Back, com o objetivo de combater o tráfico de drogas pela internet.

Aproximadamente 70 policiais federais estão cumprindo mandados de prisão temporária, condução coercitiva e busca e apreensão deferidos pela Justiça Federal.

A investigação apurou o comércio de diversas drogas, como lança-perfume, ecstasy e LSD, por meio da internet. O grupo criminoso fazia anúncios em sites e blogs, bem como negociações por mail. Nos anúncios, eram veiculadas fotos das drogas vendidas, os tipos comercializados, os valores, tudo de forma ostensiva e acintosa, como se fosse uma venda comum e regular pela internet. Foram identificadas remessas das drogas para todo o país pelos Correios.

O grupo ocultava sua localização dos compradores com receio de identificação e prisão por forças policiais. Com a identificação das contas bancárias utilizadas para o recebimento dos valores, foi possível a localização dos responsáveis na cidade de Morrinhos, em Goiás.