Morre mãe de Mariano, lateral do Galo, aos 72 anos; amigos, torcedores e clubes lamentam partida

mariano futebol atlético mãe
O lateral jogou os 90 minutos na vitória por 2 a 1 contra o Flamengo e deu uma assistência (Reprodução/Instagram/@marianoff03)

Dona Celina, a mãe do lateral Mariano, faleceu na noite de ontem (22) aos 72 anos de idade por complicações da Covid-19. O jogador recebeu a notícia logo após a partida contra o Flamengo, ainda no vestiário do clube no Mineirão. Com isso, a coletiva pós-jogo do técnico Antonio Mohamed foi cancelada e o argentino concedeu um rápido pronunciamento.

De acordo com a assessoria de imprensa do clube mineiro, Celina teve a doença há um tempo e foi internada. Depois, teve uma leve melhora, mas voltou a enfrentar complicações da Covid-19. O lateral recebeu a notícia logo antes de seu aniversário de 36 anos, que é hoje (23).

Atlético lamenta

“Mariano, a diretoria do Galo, os atletas, comissão técnica, funcionários do Clube e a Massa Atleticana dividem com você a dor por esta enorme perda. Que Deus conforte seu coração e de sua família e receba de braços abertos a nossa querida Dona Celina”, escreveu o Atlético nas redes sociais.

Coletiva cancelada

Pouco depois do recebimento da notícia trágica, o técnico Antonio Mohamed cancelou a coletiva de imprensa que aconteceria no estádio.

“Primeiro, agradecer o apoio da torcida, os esforço dos jogadores. Tivemos um tema pessoal. Morreu a mãe do Mariano, por isso sinto que não é o momento para avaliar o jogo. Com certeza amanhã, ou sexta-feira, atendo a demanda de vocês. Então, é um agradecimento ao esforço dos jogadores”, disse o treinador.

Luto

Na madrugada de hoje (23), Mariano postou uma imagem de luto em suas redes sociais. Até o momento, o atleta recebeu mais de cinco mil comentários de apoio no post. Os colegas de elenco alvinegro, como Hulk, Everson, Igor Rabello, Ademir, Keno e Otávio também enviaram forças ao lateral.

Além disso, muitos torcedores prestaram condolências em uma publicação feita pelo atleta em maio do ano passado, quando ele homenageou a dona Celina no Dia das Mães.

Mensagem de condolências postada por Hulk (Reprodução/@hulkparaiba/Instagram)

#ForçaMariano

Nas redes sociais, o jogador recebeu apoio de torcedores, amigos, clubes e instituições esportivas. O Flamengo, adversário do Atlético na Copa do Brasil, desejou “força ao lateral e familiares neste momento difícil”. Milhares de mensagens foram enviadas ao atleta por meio da hashtag #ForçaMariano. Leia algumas:

Edição: Roberth Costa
Beatriz Kalil Otherobeatriz.othero@bhaz.com.br

Graduanda em jornalismo pela UFMG e fascinada por futebol, dentro e fora das quatro linhas. Cobre esportes para o BHAZ. Participou de reportagens premiadas pela CDL/BH em 2021 e 2022. Também produziu reportagens premiadas pela Rede de Rádios Universitárias do Brasil em 2020.

Comentários