Pesquisar
Close this search box.

VÍDEO: Manifestantes do ‘Just Stop Oil’ destroem pintura em Londres

Por

manifestantes
Após a ação, os dois manifestantes do "Just Stop Oil" foram presos (Redes Sociais)

Manifestantes “Just Stop Oil” (Basta parar o petróleo, em português) estamparam as manchetes internacionais de novo. Desta vez, dois integrantes do movimento foram presos após destruírem a pintura Rokeby Venus na National Gallery em Londres.

A obra de arte foi pintada, originalmente, por Diego Velazquez, e em março de 1914 foi cortada pela sufragista Mary Richardson.

Um vídeo, divulgado na página oficial do “Just Stop Oil”, mostra duas pessoas quebrando a obra de arte. Em seguida, eles se se dirigiram aos visitantes.

“As mulheres não obtiveram o voto votando; é hora de ações, não de palavras. É hora de simplesmente parar o petróleo”, disse uma das manifestantes.

Outro ativista completou dizendo que “a política está a falhar-nos. A política falhou com as mulheres em 1914. Se milhões morrerão devido às novas licenças de petróleo e gás. Se amamos a história, se amamos a arte e se amamos as nossas famílias, devemos simplesmente parar o petróleo.”

Em seguida, a Polícia local prendeu os protestantes por suspeita de causar danos criminais.

A “Just Stop Oil” disse que os dois manifestantes se chamam Hanan, de 22 anos, e Harrison, de 20 anos. O grupo também afirmou que a dupla usou martelos de segurança para quebrar o vidro.

A Nation Galley tem sido alvo recorrente do movimento. No ano passado, duas jovens jogaram sopa de tomate em lata em quadro do pintor Van Gogh. A obra “Os Girassóis” está avaliada em mais de R$ 500 milhões.

João Lages

Repórter no BHAZ desde setembro de 2023. Jornalista com 4 anos de experiência em veículos de comunicação. Fez cobertura de casos que têm relevância nacional e internacional. Com passagem pela RecordTV Minas, também foi produtor e editor de textos na Record News.

Mais lidas do dia

Leia mais

Acompanhe com o BHAZ