Bolsonaro visita Minas Gerais nesta semana para entrega de conjunto habitacional

Bolsonaro
Presidente esteve em Minas Gerais pela última vez no final de abril (José Dias/PR)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) desembarca em Minas Gerais nesta semana para participar de uma cerimônia de entrega de um conjunto habitacional na cidade de Coronel Fabriciano, no Vale do Aço. O evento ocorre às 16h desta quinta-feira (26).

A cerimônia simboliza a inauguração do “Residencial Buritis”, um conjunto habitacional no bairro São Vicente, que vai conceder a famílias da cidade 500 apartamentos, por meio da iniciativa “Fabri Meu Lar”, do programa “Casa Verde e Amarela”.

Conjunto habitacional
São 500 apartamentos disponíveis nos prédios do conjunto
(Prefeitura de Coronel Fabriciano/Divulgação)

O sorteio das famílias que vão morar nas residências foi feito no final de abril. De acordo com a Prefeitura de Coronel Fabriciano, os apartamentos têm dois quartos, sala, cozinha e banheiro. Os prédios são de quatro e cinco andares e contam com infraestrutura completa, com redes de água, esgoto, estacionamento, vias pavimentadas, guarita e área social com duas quadras poliesportivas, parquinho e academia ao ar livre.

“Depois deste sorteio, as famílias farão a vistoria dos imóveis e, na sequência, serão convocadas pela Caixa para assinatura dos contratos e efetiva entrega das chaves. A nossa expectativa é que até o final de maio ou início de junho as famílias já estejam em suas novas moradias”, declarou o secretário de Governança Urbana, Meio Ambiente e Planejamento da cidade, Douglas Prado, na ocasião.

Ainda segundo a prefeitura, o programa habitacional de Coronel Fabriciano segue critérios definidos pelo governo federal e o processo de designação das unidades foi acompanhado por representantes da coordenadoria da Habitação da Prefeitura, sociedade civil organizada, Conselho Municipal das Cidades (Concidade) e Caixa Econômica.

Bolsonaro em Minas

Bolsonaro esteve em Minas Gerais pela última vez no final de abril, quando visitou a ExpoZebu, em Uberaba, no Triângulo Mineiro. Na abertura do evento, ele voltou a lembrar o ataque sofrido em Juiz de Fora, em 2018, e afirmou ter “renascido em Minas”.

“Vocês sabem que eu sou nascido em São Paulo, criado no Rio, mas renascido em Minas Gerais. O estado que me arrepia, me orgulha pelo seu povo, sua gente, seu futuro, sua pecuária e agricultura. Na política, pra ser presidente, tem que ganhar em Minas”, declarou.

“Estive aqui em 2017, me comportando como um mineirinho, quietinho, mas fui muito bem tratado. Acreditaram na gente. E o que pude fazer por vocês foi honrar compromissos durante a pré e a campanha, mas pouco pude fazer na campanha tendo em vista um elemento da esquerda tentar tirar minha vida, mas não conseguiu”, acrescentou ele, sob aplausos da multidão.

Edição: Roberth Costa
Sofia Leãosofia.leao@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde 2019 e graduanda em jornalismo pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). Participou de reportagens premiadas pelo Prêmio Cláudio Weber Abramo de Jornalismo de Dados, pela CDL/BH e pelo Prêmio Sebrae de Jornalismo em 2021.

Comentários