Gari faz sinal da cruz, corre atrás de garotas mostrando o pênis e acaba preso em Minas

Polícia prende garis suspeito de mostrar órgão genital para meninas
IMAGEM ILUSTRATIVA (Yuran Khan/BHAZ)

Um gari de 28 anos foi preso suspeito de importunação sexual contra duas meninas, de 10 e 13, em Patos de Minas, no Alto Paranaíba, nessa sexta-feira (6). O homem correu atrás das vítimas mostrando o órgão sexual para elas.

As garotas contaram aos policiais militares que passavam pela praça do bairro Boa Vista quando foram chamadas de “gostosa” e “brotinho” pelo rapaz. Segundo as vítimas, na sequência, o jovem começou a persegui-las com o órgão genital para fora da calça. Antes disso, ele fez o sinal da cruz.

As vítimas entraram em uma casa e pediram ajuda, nesse momento a PM foi chamada. Após o crime, o gari voltou para a praça e uma das mães das garotas foi até o local perguntar o motivo da atitude.No entanto, ele fugiu.

Os militares encontram o suspeito na sede da empresa e o homem negou o crime. As vítimas reconheceram o gari, por meio de foto, e ele foi preso.

A ocorrência foi encerrada na Delegacia de Plantão de Patos de Minas.