Após expulsão de ‘A Fazenda’, Nego do Borel aparece com a mãe, que o defende: ‘Não teve abuso’

mãe nego do borel
Nego do Borel apareceu junto com Roseli Viana Gomes após expulsão de “A Fazenda” (Reprodução/@roselivianagomes/Instagram)

Após ter sido expulso do reality “A Fazenda”, por assédio, o cantor Nego do Borel apareceu ao lado da mãe, que defendeu o filho dizendo que não houve abuso. Roseli Viana Gomes postou primeiro um texto com seu posicionamento, e depois um vídeo já com o filho ao lado. 

“Não teve abuso, por favor não façam isso com as pessoas. A emissora está mostrando tudo gente. Tiraram o Maycon apenas porque a emissora foi ameaçada de perder os patrocinadores”, disse Roseli com o texto postado em uma tela com fundo preto pelo Instagram.

Reprodução/@roselivianagomes/Instagram

Alguns momentos depois, a mãe do cantor já aparece junto com o filho, abraçados. “Oh meus fãs cheguei em casa, tô muito feliz, estamos juntos, obrigada. É ‘nois’, vamos. Cheguei com a coroa”, disse o funkeiro entre risos. “Amanhã a gente conversa”, completou Roseli para os seguidores.

Assédio

O momento aconteceu quando o funkeiro se deitou na mesma cama que a modelo Dayane Mello, que estava visivelmente bêbada. Recentemente, em outro caso, o cantor de 29 anos foi indiciado por lesão corporal contra a ex-noiva Duda Reis, de 20 anos.

Alguns vídeos que viralizaram na internet mostram os outros “peões” preocupados com os dois dividindo a mesma cama e até mesmo a modelo pedindo para que o cantor parasse de encostar nela. A equipe de Dayane e a emissora responsável pelo programa, a Record TV, falaram sobre o ocorrido. A equipe do cantor também se pronunciou.

Com a grande repercussão do caso, a Record TV acabou expulsando o participante.

Vitor Fernandes
Vitor Fernandesvitor.fernandes@bhaz.com.br

Editor e repórter do BHAZ desde fevereiro de 2017. Jornalista graduado pela PUC Minas, com experiência em redações de veículos de comunicação. Trabalhou na gestão de redes do interior da Rede Minas e na parte esportiva do Portal UOL. Com reportagens vencedoras nos prêmios CDL (2018, 2019 e 2020), Sindibel (2019) e Sebrae (2021).

Comentários