Jornalistas se confundem e soltam pérolas ao vivo; web se diverte

jornalista globo
Dois jornalistas, de diferentes emissoras, se ’embananaram’ ao vivo e acabaram dando um significado no mínimo inapropriado às notícias (Reprodução/Globoplay)

Esta quinta-feira (23) não foi um dia nada fácil para o jornalismo brasileiro. É que dois repórteres, de diferentes emissoras, se “embananaram” ao vivo e acabaram dando um significado no mínimo inapropriado às notícias, divertindo os internautas.

No jornal Fronteira Notícias 1ª edição, da Globo, um jornalista falava sobre a superlotação do sistema de transporte público de Presidente Prudente. A seriedade da informação, no entanto, acabou ficando em segundo plano após o repórter se confundir na hora de falar da movimentação de passageiros no “horário de pico”.

Já o jornal matutino da CNN dava atualizações sobre a PEC (Proposta de Emenda Constitucional) que visa zerar o ICMS (Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços), quando o apresentador acabou dando um novo nome ao gás de cozinha.

Os trocadilhos infames chamaram a atenção e renderam dezenas de memes. “Em menos de 24 horas o jornalismo brasileiro fez mais trocadilhos do que eu”, brincou uma usuária do Twitter. Veja a repercussão:

Edição: Roberth Costa
Larissa Reislarissa.reis@bhaz.com.br

Graduada em jornalismo pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e repórter do BHAZ desde 2021. Vencedora do 13° Prêmio Jovem Jornalista Fernando Pacheco Jordão, idealizado pelo Instituto Vladimir Herzog.

Comentários