Pesquisar
Close this search box.

Confins tem redução de 90% no número de voos em função da crise do coronavírus

Por

Henrique Coelho/BHAZ

O Aeroporto Internacional de Belo Horizonte (Confins) está operando uma média de 30 voos diários, o que representa uma redução de 90% dos trajetos. Até 15 de março deste ano, as companhias Gol, Azul, LATAM, Copa Airlines e TAP Portugal somavam 300 pousos e decolagens por dia em Confins. No fim de março, as empresas aéreas reduziram os voos em função da queda de passageiros causada pelo coronavírus.

As cidades com voos da Azul a partir de Confins são Campinas, Montes Claros, Cuiabá, São Luís, Vitória, Rio de Janeiro e Uberlândia. Atualmente, a companhia oferece sete voos a partir de Confins. Antes da crise, oferecia 90 voos, incluindo pousos e decolagens.

Gol e LATAM estão oferecendo um voo partindo e chegando de Confins para Guarulhos, na Grande São Paulo.  A partir de 24 de maio, a Gol terá um voo diário de Confins para Brasília.

A TAP Portugal ainda não decidiu quando retomará os voos de Confins para Lisboa. Já a Copa Airlines, que até março uma frequência de Belo Horizonte para a Cidade do Panamá, com opções de conexões para os Estados Unidos e América Central, só pretende voltar a operar em Confins em agosto deste ano. Com poucos passageiros, Confins decidiu operar apenas no terminal 1.

Leia outras notícias no Tudo Viagem, parceiro do BHAZ.

Celso Martins

Celso Martins é criador do blog Tudo Viagem, que reúne informações sobre passagens aéreas, hotéis e roteiros turísticos.

Mais lidas do dia

Leia mais

Acompanhe com o BHAZ