PBH retoma aplicação de segunda dose em idosos e amplia vacinação

mulher sendo vacinada no braço
Vacinação continua hoje e amanhã e novo cadastro será reaberto na quinta-feira (Marcus Ferreira/Imprensa MG)

A PBH (Prefeitura de Belo Horizonte) retomou a aplicação da segunda dose da Covid-19 – desta vez, com os idosos de 67 anos, que podem receber o imunizante nesta terça-feira (11). Além disso, também foi ampliada a vacinação com a primeira dose para as pessoas com comorbidades que já haviam se cadastrado até o último dia 3.

Com as novas etapas, a programação fica assim:

  • Terça-feira (11): segunda dose de Coronavac exclusivamente para idosos de 67 anos ou mais.
  • Terça-feira (11): Pessoas com comorbidades de 54 e 53 anos completos até o dia 31 deste mês; pessoas com deficiência permanente beneficiárias do programa Benefício de Prestação Continuada (BPC) de 45 a 54 anos completos até o dia 31 deste mês
  • Quarta-feira (12): Pessoas com comorbidades de 50, 51 e 52 anos completos até 31 de maio; gestantes e puérperas acima de 40 anos

Público com comorbidades 

Para as pessoas com comorbidades, a vacinação será em pontos fixos exclusivos, das 8h às 16h. Os endereços dos pontos de vacinação estão disponíveis no portal da PBH. O grupo de pessoas com comorbidades será vacinado de forma gradativa e condicionado ao recebimento de novas remessas de vacinas.

Além de ter preenchido o cadastro no site, é necessário reunir documentos como exames, receitas, relatório médico e/ou prescrição médica. Esses documentos devem conter o número do registro do respectivo conselho de classe, de forma legível, e ter sido emitidos em até 12 meses antes da data do cadastro. 

Todas as declarações apresentadas são de total responsabilidade da pessoa e de quem os emitiu. Além disso, o cadastro será enviado aos órgãos de controle externo e, em caso de informações inverídicas, ficarão sujeitos às responsabilizações administrativas, civis e penais aplicáveis. 

No momento da vacinação, o público precisa seguir as seguintes orientações: 

  • Apresentar exames, receitas, relatório médico e/ou prescrição médica emitidos em até 12 meses antes da data do cadastro
  • Apresentar documento de identificação com foto
  • Apresentar comprovante de residência em Belo Horizonte
  • Ter preenchido cadastro para a vacinação, de forma válida, até 23h59 de 3 de maio
  • Não ter recebido a vacina contra a Covid-19
  • Não ter recebido qualquer outra vacina nos últimos 14 dias
  • Não ter tido Covid-19 com início de sintomas nos últimos 30 dias

A lista de comorbidades contempladas nas prioridades da vacinação pode ser acessada aqui.

Segunda dose

Além das pessoas com comorbidades, a imunização também volta a contemplar a aplicação de segunda dose da Coronavac, que estava suspensa por falta de imunizantes. Por enquanto, a aplicação será retomada em idosos de 67 anos ou mais.

Para se vacinar, é necessário que o idoso leve documento de identidade, CPF, e comprovante de residência, além do cartão de vacinação, que conste a aplicação da primeira dose. O horário de funcionamento será das 7h30 às 16h30 para pontos fixos e das 8h30 às 16h30 para pontos de drive-thru. Os endereços estão disponíveis aqui.

O chamamento para aplicação de segundas doses de CoronaVac para outras faixas etárias está condicionado ao recebimento de novas remessas pelo Ministério da Saúde.

Cadastro reaberto

Ainda nesta semana, a PBH vai reabrir o cadastro para vacinação das pessoas de 18 a 59 anos com comorbidades, gestantes e puérperas que não conseguiram se cadastrar na primeira rodada (veja detalhes aqui). A nova etapa será aberta nesta quinta-feira (13) e encerrada no domingo (16).

Segundo a PBH, no primeiro cadastramento, foram registrados 102.039 cadastros válidos de pessoas com comorbidades e 12.221 de gestantes e puérperas. Os dados excluem duplicidade, erros de preenchimento e residentes de outros municípios. As pessoas de 18 a 59 anos com deficiência permanente beneficiárias do programa Benefício de Prestação Continuada (BPC) não precisam se cadastrar. 

Com PBH

Edição: Thiago Ricci
Giovanna Fávero
Giovanna Fáverogiovanna.favero@bhaz.com.br

Repórter no BHAZ desde outubro de 2019. Jornalista graduada pela PUC Minas (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais) e com atuação focada nas editorias de Cidades, Guia e Cultura.

OLHO NA DICA PARA ECONOMIZAR

Na sede do BHAZ, economizamos todos os meses na conta de energia por meio de uma operação regulamentada pela ANEEL e ainda desconhecida por muitos consumidores. E o melhor: não tivemos nenhum custo extra para ter acesso a esse desconto. Por isso, damos esta dica para quem mora em qualquer cidade de Minas Gerais.

Sua conta de luz pode ficar até 15% mais barata com a Metha Energia. Faça agora seu cadastro, é 100% DIGITAL e GRATUITO. Clique no botão abaixo e simule direto seu desconto mensal. Caso queira saber mais sobre a tecnologia, leia este conteúdo que explica em detalhes a operação.

Comentários