Histórico! Rebeca Andrade conquista medalha de ouro e discursa sobre dar orgulho às pessoas

Rebeca Andrade
Rebeca é a primeira mulher brasileira a obter duas medalhas na mesma edição dos jogos (Miriam Jeske/COB)

A ginasta brasileira Rebeca Andrade venceu a disputa do salto e conquistou uma medalha de ouro nas Olimpíadas de 2020, neste domingo (1°). A atleta de 22 anos é a primeira mulher brasileira a obter duas medalhas na mesma edição dos jogos, além de ter sido a primeira no país a conseguir uma medalha na ginástica artística.

O ouro veio três dias após a medalha de prata, conquistada por Rebeca na quinta-feira (29), no individual geral. A ginasta ainda tem a chance de ampliar a coleção na final do solo, que será disputada nesta segunda-feira (2).

‘Dar orgulho’

Rebeca Andrade conseguiu 15.166 no primeiro salto e 15.000 no segundo, chegando a uma média de 15.083. A medalha de prata ficou com Mykayla Skinner, dos Estados Unidos, com 14.916 – americana que substituiu a estrela Simone Biles na final –, e o bronze com Seojeong Yeo, da Coreia do Sul, com 14.733.

“Eu dedico a conquista da medalha de ouro a todo mundo, mas, em especial, ao meu treinador, Francisco Porath. A gente trabalhou muito e era um dos aparelhos em que eu tinha mais chance, como vocês sabem. Eu fiquei muito satisfeita. Acho que fico mais feliz com a felicidade dele do que com a própria medalha”, disse Rebeca.

“Ele só quer me ver brilhar e a única forma que eu posso retribuir é com a minha ginástica e nosso trabalho. Eu pude fazer isso por ele na quinta, com a medalha de prata, e hoje, com a medalha de ouro. E é isso que eu vou buscar fazer, dar orgulho para as pessoas, para a minha família e pra mim”, completou a ginasta.

Agora, ela segue focada na disputa de amanhã, para trazer mais uma medalha para o Brasil. “Estou bem centrada, amanhã tem mais um dia de competição, mais um dia que vou dar 110% de mim e é nisso que estou pensando… E na medalha também, claro”, finalizou.

Com COB

Edição: Roberth Costa
Sofia Leão
Sofia Leãosofia.leao@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Escreve com foco na editoria de Esportes no BHAZ.

Comentários