Trabalhador é chamado de ‘demônio’ pelo chefe e será indenizado

telefone
Na ação, ele conta que chegou a ser xingado de ‘demônio’ e ‘capeta’ enquanto o chefe o pressionava a ter mais produtividade (IMAGEM ILUSTRATIVA: Banco de imagens/Pixabay)

Um ex-atendente de telemarketing vai receber indenização da empresa em que trabalhava, em Belo Horizonte, por ter sofrido assédio moral do seu supervisor. Na ação, ele conta que chegou a ser xingado de “demônio” e “capeta” enquanto o chefe o pressionava a ter mais produtividade.

O autor da ação alega que foi contratado para a função de teleatendente e que sofreu perseguição e assédio por parte dos seus superiores, especialmente de um deles, que o humilhava quando ele não batia as metas.

Além disso, o trabalhador também acusa a empresa de proibi-lo de usar o banheiro das 11h até o intervalo de almoço e das 15h às 16h12. Devido as condições precárias de trabalho, o ex-empregado teria passado por um quadro de depressão.

O juiz Renato de Paula Amado, que esteve à frente do caso, reconheceu a conduta culposa da empregadora e determinou o pagamento de uma indenização por danos morais no valor de R$ 2 mil. Além de reparar os danos sofridos pelo trabalhador, a pena também tem caráter pedagógico, com o objetivo de evitar que atitudes dessa natureza não venham a se repetir nas relações de trabalho.

Uma testemunha conta que presenciou os fatos e que o ex-empregado também falava dessa forma com outros atendentes. O colega de trabalho afirma, ainda, que o chefe questionava o funcionário de forma pejorativa, perguntando “se ele tinha problema mental” e “se era retardado”.

Os empregadores negam os fatos apresentados e recorreram da decisão, mas o valor da indenização foi mantido pela Justiça.

Edição: Giovanna Fávero
Avatar
Larissa Reislarissa.reis@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

OLHO NA DICA PARA ECONOMIZAR

Na sede do BHAZ, economizamos todos os meses na conta de energia por meio de uma operação regulamentada pela ANEEL e ainda desconhecida por muitos consumidores. E o melhor: não tivemos nenhum custo extra para ter acesso a esse desconto. Por isso, damos esta dica para quem mora em qualquer cidade de Minas Gerais.

Sua conta de luz pode ficar até 15% mais barata com a Metha Energia. Faça agora seu cadastro, é 100% DIGITAL e GRATUITO. Clique no botão abaixo e simule direto seu desconto mensal. Caso queira saber mais sobre a tecnologia, leia este conteúdo que explica em detalhes a operação.

Comentários