Home Guia Bhaz Que tal uma pitada de ciência no bar? Confira os participantes em BH

Que tal uma pitada de ciência no bar? Confira os participantes em BH

Imagine conhecer um pouco mais sobre pesquisas científicas que são desenvolvidas por instituições mineiras durante o divertido happy hour?Pesquisadores de diversas instituições de ensino apresentam seus estudos em um dos maiores eventos dedicados à popularização da ciência no mundo: o Pint of Science, que ocorre este ano, simultaneamente, em mais de 20 países.

Em Belo Horizonte, cinco estabelecimentos, entre bares, cafés e restaurantes, participam do evento, que vai de 20 a 22 de maio, das 19h30 às 21h. Ao todo serão realizados 15 painéis nos estabelecimentos selecionados.

Os assuntos são bem variados: vão de astrofísica a futebol, passam por queijo, aranhas, mobilidade e física quântica à relação da tabela periódica com as riquezas minerais de Minas (veja abaixo a programação completa).

Durante o evento, os pesquisadores conversam com o público de forma 
descontraída, respondem a perguntas, explicam como a ciência funciona 
e mostram a capacidade de investigar e dar respostas às dúvidas da sociedade.

Quatro pesquisadores do Cefet-MG estarão presentes nesta edição. A professora do curso de administração Ludmila Guimarães apresentará o painel “Mal-Estar no trabalho: dilemas, incertezas e alternativas?”. A ideia é fazer uma reflexão sobre os impactos da hipermodernidade marcada pelo discurso da urgência. 

Já os professores Patrícia Patrício e Patterson Patrício apresentarão 
o painel “As Minas Gerais na Tabela Periódica?”, abordando o tema das riquezas minerais a partir da tabela mundialmente usada. 

Temas como mobilidade nas cidades e economia circular serão apresentados pelos docentes Guilherme Leiva e Renato Guimarães e Daniel Castro e Gilberto Cinfuentes, respectivamente. A ideia é mostrar a reciclagem de veículos que envolve a engenharia mecânica, ambiental e a segurança do trabalho. 

Pint of Science

Além de Belo Horizonte, outras 84 cidades de todo o país sediarão o 
evento. O evento é gratuito e será cobrado apenas o que for consumido 
nos estabelecimentos. A iniciativa na capital mineira é realizada pelo MM Gerdau, que tem participação de renomadas instituições produtoras de conhecimento científico em Minas, como FioCruz Minas, Funed, Epamig e Embrapa.

O evento tem apoio da Fundação de Desenvolvimento e Pesquisa (Fundep) e da Rede Mineira de Comunicação Científica (RMCC).

O Pint of Science foi criado em 2013, na Inglaterra, por estudantes de 
pós-graduação, e acontece simultaneamente em mais 20 países. No 
Brasil, foi realizado pela primeira vez em 2015. 

Programação completa

Cantina do Lucas (Av. Augusto de Lima, 233, loja 18/19 – Centro) 
20 de maio: Mal-Estar no trabalho: dilemas, incertezas e alternativas 
21 de maio: Vacinar ou não vacinar? Eis a questão 
22 de maio: Da mesa para o laboratório: o queijo como produto científico 

A Cafeteria (MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal) – Prédio Rosa, Praça da Liberdade, s/nº
20 de maio: Realidades Aumentada e Virtual: da sala de aula às 
práticas na agropecuária 
21 de maio: Para o infinito e além: a matemática pra além dos números 
22 de maio: As Minas Gerais na Tabela Periódica 

Filé Espeto & Cia (Av. Fleming, 271 – Ouro Preto) 
20 de maio: Mudança climática, Antártida e Brasil: conexões possíveis 
21 de maio: Economia circular: desmontagem e reciclagem veicular 
22 de maio: A aranha arranha a jarra, a jarra arranha a aranha 

Casa Híbrido (R. Aquiles Lobo, 79 – Floresta) 
20 de maio: Do Micro ao Macro: da Física Quântica à Astrofísica 
21 de maio: Tem mulher na ciência, sim! 
22 de maio: MaaS: Mobilidade como serviço 

Albano’s (Rua Pium-Í, 611 – Sion) 
20 de maio: Barragens e alternativas na disposição de rejeitos de mineração 
21 de maio: Interfaces entre direito e ciência 
22 de maio: Ciência por trás do futebol 

Com informações do Cefet-MG

Comentários