Home NotíciasMinas GeraisVereador de cidade mineira sofre tentativa de homicídio após fazer denúncia contra prefeito

Vereador de cidade mineira sofre tentativa de homicídio após fazer denúncia contra prefeito

Prefeito bateu no carro do vereador, mas mesmo assim o parlamentar continuou a fuga

Um vereador de Ubaporanga, pequena cidade mineira no Vale do Rio Doce, foi vítima de uma tentativa de homicídio, nessa quarta-feira (20), após realizar uma denúncia contra o prefeito do município. Os autores do crime seriam o próprio gestor municipal e dois irmãos dele – todos estão sendo procurados desde o registro da ocorrência, na noite de ontem.

Conforme o vereador Jorge Siqueira de Rezende (PTC) relatou às autoridades, ele passou a seguir ameaças após realizar uma denúncia – cujo teor não foi relevado – contra o prefeito Gilmar de Assis Rodrigues (PPS). O parlamentar teria sido informado que precisaria “ficar esperto” porque o gestor municipal estava planejando um ataque com os dois irmãos e homens que viriam do Rio de Janeiro.

Ontem, essa ameaçada teria se concretizado, sempre conforme o relato do vereador. Jorge chegou de uma viagem e, com medo das intimidações, deu uma volta de carro no quarteirão da própria casa, antes de entrar no seu lar. Nessa volta, ele teria sido abordado pelos irmãos do prefeito, que queriam conversar algo.

Leia também:  Minas chega a quase 11 mil casos da Covid-19 e secretário não descarta segunda onda

Jorge Siqueira, então, teria acelerado e fugido dos irmãos. No entanto, mais à frente, um carro da prefeitura supostamente dirigido pelo prefeito o atingiu.

Leia também:  Governo de Minas anuncia pagamento para servidores da saúde e da segurança; demais seguem na espera

Fuga em rodovia

Apesar da parte traseira do carro do vereador ter ficado danificada, Jorge continuou fugindo, desta vez pela BR-116. O prefeito e os dois irmãos teriam iniciado, então, uma perseguição.

Aos militares, Jorge disse que, diversas vezes, o prefeito tentou bater no veículo dele. Próximo ao km 512, Gilmar atirou contra o carro do vereador, sempre seguindo o relato da vítima aos policiais.

Depois de conseguir se distanciar dos suspeitos, Jorge continuou na rodovia e chegou em Caratinga, cidade distante a 20 quilômetros de Ubaporanga. Por lá, ele procurou a Polícia Civil.

Leia também:  Zema anuncia programa para 'salvar' setores da Cultura e Turismo em MG: 'Gostaria de fazer mais'

Os policiais foram até o trecho da rodovia onde os disparos aconteceram e recolheram dois cartuchos deflagrados de calibre 9 mm.

O carro do vereador foi periciado e os suspeitos não foram localizados até o encerramento da ocorrência. O BHAZ tentou falar com o prefeito e entrou em contato com a Prefeitura de Ubaporanga, mas não teve as ligações atendidas. Tão logo se manifeste, esta reportagem será atualizada.

Vitor Fórneas

Vitor Fórneas

Repórter do BHAZ desde maio de 2017. Jornalista graduado pelo UniBH (Centro Universitário de Belo Horizonte) e com atuação focada nas editorias de Cidades e Política.

Comentários