Estudante mexicana desaparece em BH e família pede ajuda

ana edith desaparecida mexicana planalto
Ana Edith Hernandez Vazquez desapareceu no bairro Planalto, em BH (Arquivo pessoal/Diego de Jesus Hernandez Jimenez)

Atualização às 21h20 do dia 24/10/2020: Após a mobilização de milhares de pessoas, a estudante foi encontrada (leia mais aqui).

Uma estudante de 19 anos desapareceu após sair de casa nessa quinta-feira (22), no bairro Planalto, região Norte de Belo Horizonte. Ana Edith Hernandez Vazquez é mexicana, cursa desenho gráfico e saiu de casa, com seus pertences, por volta das 21h30. Desde então, a família não tem informação alguma sobre o paradeiro da jovem. Um boletim de desaparecimento foi registrado na Polícia Civil.

O pai da jovem, o jornalista Diego de Jesus Hernandez Jimenez, explica que a família veio do México há 20 anos e, desde então, mora em Belo Horizonte. “Estamos muito preocupados, ela nunca ficou tanto tempo sem dar notícias. Formamos um grupo com mais de 100 pessoas para procurá-la em todos os lugares possíveis. Já fomos em hospitais, necrotérios e outros locais. Hoje [sábado] registramos o desaparecimento dela na Polícia Civil”, conta.

Religiosa

A jovem deixou a casa após problemas pessoais com a família, e o pai de nove filhos acredita que ela possa estar próximo de alguma igreja. “Somos católicos, muito religiosos. A igreja é um lugar onde ela se sente segura. Acreditamos que ela possa estar confusa e possa ter procurado conforto em alguma igreja”, explica.

O pai ainda conta que a filha não usa nenhum tipo de drogas ou bebidas alcoólicas. “Já notificamos a todos os amigos dela, já olhamos mensagens de celular, tentamos ligar. Ela não está com ninguém da família ou conhecidos. Ela levou uma mochila com roupas”, explica. Ele relata que a filha saiu de casa com uma blusa de frio preta, com uma gola tipo um cachecol, além de carregar uma mochila azul da Jornada Mundial da Juventude.

Quem tiver quaisquer informações sobre o paradeiro de Ana Edith, pode entrar em contato com Diego de Jesus pelo telefone (31) 99456-1430. Ou então pode acionar direto a Polícia Civil pelo número 0800 2828 197.

Edição: Thiago Ricci
Vitor Fernandes
Vitor Fernandesvitor.fernandes@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde fevereiro de 2017. Jornalista graduado pela PUC Minas, com experiência em redações de veículos de comunicação. Trabalhou na gestão de redes do interior da Rede Minas e na parte esportiva do Portal UOL. Com reportagens vencedoras nos prêmios CDL (2018 e 2019) e Sindibel (2019).

Comentários