Yamaha recria sua primeira moto para comemorar 50 anos de Brasil

Yamaha Red DRAGONFLY50 anos
Foto: Yamaha/Divulgação

No mês em que comemora 50 anos de Brasil, a Yamaha volta ao passado e recria um ícone. A tradicional fabricante de motos relançou a Red Dragonfly, seu primeiro modelo produzido no mundo. Esta Libélula Vermelha, nome em português da moto, foi criada no Japão em 1955 e em pleno pós-guerra. Serviu como símbolo de esperança para uma retomada da indústria naquele país.

Yamaha Red Dragonfly
Red Dragonfly foi a primeira moto da Yamaha produzida no Japão (Foto: Yamaha/Divulgação)

Já na época era considerada inovadora. Tinha motor dois tempos, refrigerado a ar, 125 centímetros cúbicos de cilindrada. Outra inovação para aquele momento é que tinha várias opções de cores, em um tempo em que as motos eram pretas.

(Foto: Yamaha/Divulgação)

Bendita Macchina

A nova Red Dragonfly foi desenvolvida em conjunto com um os maiores estúdios de customização do Brasil, o Bendita Macchina.

Os designers fizeram um modelo único, que não vai ser vendido e será usado apenas em exposições e eventos. Eles usaram como base uma Factor 125 Blueflex e construíram todas as peças para ficarem igualzinhas às da Red Dragonfly original dos anos 1950.

Leia mais: Nova Multistrada 950s

A montagem da carenagem e as tonalidades foram desenvolvidas manualmente: uma bela obra de arte.

A mecânica da Red Dragonfly é a mesma da Factor. Trata-se de um motor SOHC, 2 válvulas, 4 tempos, refrigerado a ar, que desenvolve potência de 11 cv, seja abastecido com gasolina ou etanol.

A Factor 125 Blueflex, por sua vez, tem preço sugerido de R$ 10.190,00, mais o frete que varia conforme a região.  Esta moto tem painel com iluminação em LED que mostra conta-giros, indicador de marcha e função ECO (modo mais econômico).

Vingadores

Ainda em homenagem aos 50 anos, a Yamaha anunciou o início das vendas no Brasil das séries especiais inspiradas nos heróis da série “Vingadores”, do cinema. Os modelos são fruto da parceria da empresa com a Disney, detentora da Marvel. Além das motos, há uma série de artigos temáticos, tais como camisetas, bonés e chaveiros.

Leia mais: Aposta nas motos elétricas

São três motocicletas estilizadas: Lander 250 Capitão América, Fazer 250 Pantera Negra e Fazer 250 Capitã Marvel. Os preços sugeridos são os seguintes: R$ 19.290,00 e R$ 18.090,00, as duas últimas, respectivamente.

Grafismos específicos

A Lander 250 Capitão América carrega grafismos inspirados no icônico uniforme do líder dos Vingadores. No detalhe, percebe-se desgastes de batalha típicos das lutas que o Primeiro Vingador costuma enfrentar. O escudo está presente no para-lamas.

Já a Fazer 250 Pantera Negra traz grafismos inspirados no emblemático rei de Wakanda. Nas entradas de ar, existem garras do famoso colar tecnológico que carrega o uniforme do herói. A cor roxa, que no universo do Pantera Negra representa a realeza e o poder da família real de Wakanda, está presente nas rodas e em padrões tribais na carenagem. Ela conta ainda com lanterna e faróis em LED.

Leia mais: Kawasaki tecnológica

A Fazer 250 Capitã Marvel, por sua vez, une grafismos inspirados na mais poderosa heroína do universo Marvel. A Estrela de Hala, ícone da guerreira espacial, está presente no para-lama e também no tanque e das tomadas de ar. Os detalhes em dourado, vermelho e azul, representam a força das cores primárias que ajudam a formar a personalidade ousada da heroína quando ela ressurge.

Acesse: www.aceleraai.com.br

Acelera Ai
Acelera Airedacao@aceleraai.com.br

Jornalistas Eduardo Aquino e Luís Otávio Pires são os editores do site Acelera Aí e da seção veículos do portal Bhaz

Comentários