Fevereiro quente: BH terá dias chuvosos, mas calorão dará pouco descanso

céu nublado bh
Começo de mês terá calor e chuva na capital mineira (Amanda Dias/BHAZ)

Fevereiro mal começou, mas o mês promete marcar a rotina dos belo-horizontinos. É que, ao longo dos dias, o calorão não deve dar trégua, mesmo quando a chuva pintar pela capital mineira. Os mais afobados pelo calor terão, segundo a meteorologia, um descanso de três dias, com os termômetros registrando temperaturas mais amenas.

Nesta segunda (1), a Defesa Civil da capital emitiu um alerta com a possibilidade de BH receber de pancadas de chuva. No comunicado, o órgão indica que pode chover de 20 a 30 mm (milímetros) até às 8h de amanhã (2). As precipitações podem vir acompanhadas de raios e rajadas de vento de até 50 km/h.

Segundo o meteorologista Ruibran dos Reis, as chuvas devem se intensificar a partir de quarta (3). E é justamente neste período que o calorão pode baixar. “Uma frente fria se aproxima e tudo indica que teremos um fim de semana chuvoso. As precipitações já tendem a começar na quarta e isso vai provocar queda na temperatura. A máxima que tem ficado em até 32ºC poderá reduzir para 27ºC. O calor vai dar uma amenizada a partir de amanhã”, disse ao BHAZ.

Que calor

Apesar do ano início do ano chuvoso, BH fechou o janeiro sem bater a média histórica do mês. O fenômeno ocorreu, conforme explica Ruibran, pela atuação de uma massa de ar quente. “O calor que estamos sentindo nestes dias é fruto dessa massa que atua entre o Brasil e o continente africano. Ela causa o bloqueio da chegada de frente fria e provoca o veranico“.

O fenômeno citado pelo meteorologista é a denominação dada à escassez de chuva num período em que normalmente teríamos a presença das precipitações. “Janeiro fechou com 94% de chuva da média histórica. A tendência é de que tenhamos mais um mês com poucas chuvas”, destaca.

Sobre as precipitações aguardadas a partir de quarta, Ruibran diz que elas devem durar “uns três dias e depois vai voltar o calorão”.

Cuidados

Durante as chuvas fortes, é necessário redobrar a atenção para que não aconteçam acidentes. A Defesa Civil de Belo Horizonte recomenda os seguintes cuidados:

  • Redobre a sua atenção! Evite áreas de inundação e não trafegue em ruas sujeitas a alagamentos e próximos aos córregos e ribeirões no momento de forte chuva.
  • Não atravesse ruas alagadas ou deixe crianças brincando na enxurrada e nas águas dos córregos.
  • Não se abrigue nem estacione veículos debaixo de árvores.
  • Atenção especial em áreas de encostas e morros.
  • Jamais se aproxime de cabos elétricos rompidos. Ligue imediatamente para CEMIG (116) ou Defesa Civil (199).
  • Se você observar o aparecimento de fendas, depressões no terreno, rachaduras nas paredes das casas e o surgimento de minas d’água avise imediatamente a Defesa Civil (199).
  • Em caso de raios: não permaneça em áreas abertas e altas, não use equipamentos elétricos⠀⠀

Edição: Roberth Costa
Vitor Fórneas
Vitor Fórneasvitor.forneas@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde maio de 2017. Jornalista graduado pelo UniBH (Centro Universitário de Belo Horizonte) e com atuação focada nas editorias de Cidades e Política. Teve reportagens agraciadas pelo prêmio CDL.

Comentários