Calor em BH deve diminuir nos próximos dias, mas volta no sábado, aponta Inmet

Calor em BH
Tendência é de mais umidade a partir da quinta-feira (Amanda Dias/BHAZ)

O calor que vem atingindo BH nos últimos dias não passa despercebido por ninguém. Para quem não é fã de temperaturas muito altas, os próximos dias na capital podem servir como um pequeno – bem pequeno mesmo – alívio antes do retorno do calorão, previsto para o sábado (18). As informações são do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia).

De acordo com a meteorologista Anete Fernandes, nesta terça-feira (14), a temperatura máxima registrada em BH foi de 33,9°C, entre as 13h e 14h, na Pampulha. Em todo o estado, Coronel Pacheco, na Zona da Mata, foi a cidade com maior temperatura registrada hoje: 38,3°C.

“De ontem para hoje, as temperaturas caíram um pouco. Antes, tinha uma previsão de máxima de 40°C para amanhã em Minas, mas começou a nublar no Triângulo, então as temperaturas devem ficar entre 36ºC e 37°C naquela região. Com isso, as temperaturas mais altas amanhã devem ser registradas no Norte, no Noroeste e na Zona da Mata, ficando em torno de 38º C”, detalha a especialista ao BHAZ.

Vai e volta do calor

Com uma tendência de mais umidade a partir da quinta-feira (16), o calor deve diminuir tanto em BH quanto no resto do estado. Amanhã, na capital, a temperatura máxima deve girar em torno de 34 e 35°C, antes de cair para 31°C no dia seguinte e para 29°C na sexta-feira (17).

Ainda segundo a meteorologista do Inmet, BH também contará com um alívio do tempo seco que assola a cidade nos últimos dias. Com o retorno das temperaturas altas no sábado, no entanto, a umidade relativa do ar também voltará a cair. A princípio, não há pespectiva de chuva nos próximos dias na cidade.

“No sábado, a temperatura máxima em BH deve ficar em torno dos 32°C, e o tempo seco volta. Existe, ainda, uma possibilidade pequena de chuva no Triângulo Mineiro e no Sul,” conclui Anete Fernandes.

‘Infernal’

Nas redes sociais, moradores de BH reclamam do calor e do tempo seco há vários dias. “Que calor infernal! Duvido que vocês consigam ser felizes num dia como hoje”, publicou uma usuária do Twitter nessa segunda-feira (13).

Edição: Giovanna Fávero
Sofia Leão
Sofia Leãosofia.leao@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Escreve com foco na editoria de Esportes no BHAZ.

Comentários